domingo, 13 de dezembro de 2020

COVID-19: REINFECÇÃO GERA DÚVIDAS SOBRE APLICAÇÃO DE VACINAS

Após 1º caso confirmado, reinfecção gera dúvidas sobre aplicação de vacinas

Febre, tosse seca, cansaço, falta de ar. Após o teste, o diagnóstico: positivo para Covid-19. Por si só, lidar com esse resultado já não é nada fácil, uma vez que a doença é recente e ainda está repleta de incertezas do ponto de vista médico e científico.

Agora, imagine se recuperar do quadro e, algum tempo depois, voltar a sofrer com os mesmos sintomas. Um novo exame é feito e a suspeita se confirma: infecção por coronavírus.

A reinfecção é uma realidade e o primeiro caso no Brasil foi confirmado nesta quinta-feira (10), pelo Ministério da Saúde.

Trata-se de uma profissional da área da saúde, de 37 anos, que mora em Natal (RN). Ela teve a doença em junho, se curou, e teve resultado positivo novamente em outubro – 116 dias depois do primeiro diagnóstico.

Como relevou o ND+ no final de outubro, Santa Catarina tem quatro casos suspeitos de reinfecção. De acordo com a Dive-SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina), as amostras foram encaminhadas para análise da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), no Rio de Janeiro. Detalhes sobre a origem, o sexo e a idade só serão informados após a confirmação dos casos.

Esta é a mais uma reportagem da série “Covid-19 em Dados“, uma iniciativa do ND+ com o patrocínio do Google sobre a pandemia do novo coronavírus. Clique aqui e confira a página especial do projeto com todas as reportagens.

Nenhum comentário: