segunda-feira, 2 de novembro de 2020

OLAVO DE CARVALHO RECORRE A JUSTIÇA PARA NÃO PAGAR R$ 2,9 MILHÕES A CAETANO

Olavo recorre contra pagamento de R$ 2,9 milhões a Caetano

O filósofo Olavo de Carvalho recorreu na Justiça contra a decisão que o obrigava a pagar R$ 2,9 milhões ao cantor Caetano Veloso. Os advogados de Caetano confirmaram a informação.

O novo recurso de Olavo foi apresentado no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ).

Em outubro, a juíza Renata Castro, da 50ª Vara Cível do Rio de Janeiro, determinou o pagamento por conta do descumprimento de uma liminar que exigia a exclusão de publicações, de 2017, que associavam Caetano a atos de pedofilia.

A indenização deveria ter sido paga ao músico até o dia 26 de outubro, mas não foi porque o filósofo apresentou um recurso.

As declarações de Olavo contra Caetano aconteceram em função do romance entre o cantor e a produtora Paula Lavigne, iniciado quando ela tinha 13 anos, e ele, 40.

Nenhum comentário: