sábado, 3 de outubro de 2020

TURBULÊNCIA: 'MOMENTO É DE UNIÃO' - DIZ NOVO MANDATÁRIO DO AFC

Em turbulência, novo presidente do América-RN diz que "momento é de união"

O economista Ricardo Valério assumiu a presidência do América-RN após a renúncia do empresário Leonardo Bezerra, na quinta-feira. Em entrevista ao canal oficial do clube (veja mais abaixo), ele lamentou a saída de Leonardo e quer o apoio de todos os ex-presidentes e conselheiros americanos para concluir a gestão e seguir a missão de recolocar o Alvirrubro na Série C do Campeonato Brasileiro.

- Ele (Leonardo) estava fazendo uma gestão inovadora, o clube numa posição financeira e administrativa bem modernizada e isso a gente vai ter frutos lá na frente. Mas obviamente o futebol pune quando a bola não entra. Presidente de clube não faz gol, não bate pênalti. Aconteceram essas fatalidades, o presidente não se sentiu à vontade e quis realmente se afastar, por mais que a gente tenha lutado para ele continuar, mas nós temos que respeitar o momento e aproveitar este momento para convocar a nação americana, convocar todos os americanos. Este é o momento de união - declarou.
Ricardo não desanima com o início ruim da equipe na Série D - comparando, principalmente, com as campanhas nos anos anteriores - e disse que "isso só foi para aumentar o nosso desafio". O novo presidente garantiu que reforços serão contratados para a sequência da competição e assegurou confiança no trabalho do técnico Paulinho Kobayashi.

- Nós temos convicção de que temos um bom plantel. Precisamos ter algumas contratações pontuais, que já estão sendo providenciadas, e de forma que nós temos um treinador vitorioso, com histórico de América, e ele não vai manchar a página dele; ele vai marcar também a página dele como o treinador que vai subir o nosso time para a Série C com toda a certeza - falou.

Assim que assinou o termo de posse, Ricardo Valério anunciou mudança no cargo de diretor de futebol do América-RN. Sai Williman Oliveira e retorna Ricardo Bezerra. Bezerra também terá o apoio de Paulinho Freire no departamento de futebol.

ge

Nenhum comentário: