domingo, 4 de outubro de 2020

ELEIÇÕES: VOTO VENDIDO É VOTO PERDIDO

O Voto comprado e suas consequências

Nesse momento que precede mais uma eleição para prefeito, vice-prefeito e vereadores muito se ouve falar em compra de votos. São candidatos oferecendo dinheiro aos eleitores, pagando contas de água, luz, créditos para telefones celulares, dentaduras, combustível para o carro, cestas básicas, etc. Outros estão vendendo os seus votos em troca de remédios e alimentos.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pede aos eleitores que não vendam os seus votos que, além de ser proibido por lei, você não tem como criticar seu candidato caso eleito.

Amanhã, quando o político fizer falcatruas, nomear parentes para cargos públicos, fraudar licitações, entre outros delitos, não tem como reclamar. Vendendo o seu voto, você está perdendo a chance de votar em um futuro melhor para Quixadá. Se o político é corrupto pela compra de votos, muitos eleitores também são pela venda dos seus votos.

Nenhum comentário: