quarta-feira, 9 de outubro de 2019

OPINIÃO



Acredito que essa eleição suplementar era a hora exata dos políticos que dizem amar Ceará-Mirim mostrarem realmente seu amor por ela. Não é tarefa difícil, porém na "Terra do Barão" é algo meramente impossível de acontecer. 'Uma frente de coalizão'. Essa é a ideia. Sem cor e sem bandeira, unir-se para tirar Ceará-Mirim da UTI nesse 'mandato tampão'. Seria uma frente ampla sem resistência e com liberdade para trabalhar, Ceará-Mirim respiraria mais aliviada. Mesmo sabendo que lá na frente eles podem 'esculhambar' tudo novamente na busca incessante pelo poder. Mas, Ceará-Mirim estaria pronta para suportar novas 'pancadas'.

Não tenho dúvidas de que um novo tempo de esperança e progresso mudaria o nosso, hoje combalido, desenvolvimento!

É só minha opinião!

Nenhum comentário: