segunda-feira, 13 de maio de 2019

DELAÇÃO DO DONO DA GOL IMPLICA NHONHO E MAIS TRÊS

Delação de Constantino implica Rodrigo Maia, Jucá, Pimentel e Ciro Nogueira


O acordo de delação premiada assinado por um dos donos da companhia aérea Gol, Henrique Constantino, implica personagens de relevo na política nacional. Entre eles: o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); o presidente nacional do MDB, ex-senador Romero Jucá (RR); o senador e presidente nacional do PP, Ciro Nogueira (PI); e o ex-governador de Minas Gerais Fernando Pimentel (PT).


A delação foi homologada pelo juiz Vallisney de Oliveira, da 10ª Vara Federal do Distrito Federal, e traz acusações também contra o ex-presidente Michel Temer (MDB), o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB) e o ex-deputado Eduardo Cunha (MDB). A informação foi antecipada pelo jornal O Globo e confirmada pelo Metrópoles.


elação, uma das formas de que os políticos se utilizaram para conseguir recursos não declarados foi por meio da Associação Brasileira de Empresas Aéreas (Abear). As informações sobre essas relações entre os políticos, o proprietário da Gol e a Abear são detalhadas no anexo 7 do termo de colaboração de Henrique Constantino.

São citados também os petistas Marco Maia e Vicente Cândido, os tucanos Otávio Leite e Bruno Araújo, além do aliado de Michel Temer Edinho Araújo, entre outros.

Metrópoles

Nenhum comentário: