sexta-feira, 13 de novembro de 2020

FATO



É irritante o comportamento das nossas autoridades brasileiras independentemente de qual seguimento elas administram. 

Decisões são tomadas para atender a vontade de determinados 'grupos'.

É evidente a manifestação do coronavírus no mundo, se é que aqui também fazemos parte dele. As vezes acho que não.

O coronavírus devide opiniões, existe uma grande parcela da população que acredita no maldito vírus, e existe outra grande parcela que acredita que não passa de invencionisse dos parasitas que tentam quebrar a econômia do país. Eu fico com a realidade. Amigos não estão mais entre nós. O vírus os levou. 

Podemos manter a economia funcionando, é só respeitar as 'regras' e punir quem não respeita.

O eixo Salvador, Rio e São Paulo, onde acontecem os grandes carnavais do país, depois de serem taxados de culpados pela proliferação do vírus no Brasil, lá pelo mês de março, decidiram fazer seus carnavais 2021 no mês de JULHO. Na esperança de que apareça alguma vacina 'salvadora da patria'. Ponto para os carnavalescos. Errar uma vez é perdoável, depois daí é burrice ou mal caratismo.

As eleições 2020 foram mantidas pelo órgão maior da Justiça Eleitoral (TSE) para acontecerem ainda este ano, vão acontecer no próximo domingo (15). O TSE sabe do perigo que sempre nos rondou, mas manteve. Para atender a banda podre do nosso país, claro.

Aquelas 'brincadeiras verdadeiras' que se postava nas redes socias dizendo que o vírus voltava depois das eleições não eram premonições, eram fatos reais. 

A Fiocruz divulgou nesta quinta-feira (12) um documento dizendo que nove capitais brasileiras o coronavírus está avançando 'com força' e Natal está entre elas. Mas acredito que esta notícia até o próximo domingo a noite é sem relevância para nossas AUTORIDADES. Passada a eleição, apuração e a festa dos eleitos a hipocrisia voltará. Com certeza.

Festa pode. Eleição pode. Tudo pode. Só não pode abrir as escolas para os alunos estudarem, é exatamente na escola onde mora o PERIGO. Na visão dos canalhas, claro. Ou é tudo ou nada. Canalhice geral.

Com essa canalhice toda, esse Brasil não é verdadeiramente o meu PAÍS.

Isto é FATO!

Nenhum comentário: