terça-feira, 3 de novembro de 2020

'DESVIOS': PF VISITA NESTA MANHÃ HOSPITAL DE CAMPANHA NO CEARÁ

PF faz operação contra desvio de R$ 7 milhões em Hospital de Campanha no CE

Polícia Federal (PF), em conjunto com a Controladoria-Geral da União (CGU), realiza na manhã desta terça-feira (3/11) a Operação Cartão Vermelho para apurar suspeitas de desvios de recursos destinados ao combate ao coronavírus no Ceará.

Ao todo, os agentes cumprem 27 mandados de busca e apreensão em três cidades: Fortaleza (CE), São Paulo (SP) e Pelotas (RS).

As investigações tiveram início em junho deste ano para apurar crimes de corrupção, desvio de recursos públicos federais e fraude em procedimento de dispensa de licitação no Hospital de Campanha montado no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza.

Os agentes identificaram a participação de servidores públicos da Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza, gestores e integrantes da comissão de acompanhamento e avaliação do contrato de gestão, dirigentes de organização social paulista contratada para gestão do Hospital de Campanha e empresários.

“A investigação demonstrou indícios de fraude na escolha da empresa contratada em dispensa de licitação; compra de equipamentos de empresa de fachada; má gestão e fiscalização da aplicação dos recursos públicos no Hospital de Campanha e sobrepreço nos equipamentos adquiridos”, apontou a PF.

O prejuízo aos cofres públicos ultrapassa os R$ 7 milhões. Com isso, a Justiça Federal autorizou o bloqueio desse valor em contas das pessoas jurídicas investigadas.

Os suspeitos poderão responder por crimes de fraude à licitação, peculato, ordenação de despesa não autorizada por lei e organização criminosa e, se condenados, poderão cumprir pena de até 33 anos.


metropole

Nenhum comentário: