terça-feira, 25 de fevereiro de 2020

CORONAVÍRUS: REPATRIADO DE WUHAN (CHINA) CHEGA A NATAL

Repatriado de Wuhan desembarca em Natal e reencontra família após quarentena por coronavírus: 'Sensação de alívio'

Mauro Hart encontra família no aeroporto — Foto: Bruno Vital/G1O piloto comercial Mauro Hart, de 59 anos, chegou a Natal na tarde desta segunda-feira (24) depois de passar um mês em quarentena para avaliar uma possível contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19). O gaúcho que tem residência em Natal estava em Wuhan, cidade considerada o epicentro da doença.

Hart, que já trabalhou na Força Aérea Brasileira, passou 15 dias confinado com outros brasileiros na província chinesa antes de chegar ao Brasil em 9 de fevereiro, onde ficou por mais 15 dias isolado em Anápolis, Goiás. Ele chegou à capital potiguar por volta das 12h e teve uma recepção de celebridade. Familiares e amigos aguardavam o piloto desde as primeiras horas da manhã. Em Natal, Mauro vive com a esposa e três filhos.

"É uma sensação de alívio encontrar minha família aqui reunida depois de tudo isso. Tive a sensação de que iria ficar preso lá, mas com muita calma e experiência, que adquiri na minha carreira, consegui tranquilizar a minha mente. Depois que chegamos ao Brasil tudo foi mais tranquilo. Passamos por três exames e nenhum sintoma foi encontrado. Agora o pior já passou", disse o piloto da China Eastern Airlines ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Natal.


Clique no link abaixo e veja toda matéria:

Nenhum comentário: