segunda-feira, 6 de novembro de 2017

LIGAÇÕES PERIGOSAS: HENRIQUE ALVES X CARLOS EDUARDO

Delator diz que Henrique influenciou em execução de obra da Prefeitura do Natal

Henrique Alves e seu primo, Carlos EduardoAs obras de enrocamento realizadas pela Prefeitura do Natal na Praia dos Artistas tiveram influência do ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB) para que pudessem ser iniciadas. A informação foi revelada no acordo de delação premiada que o ex-secretário de Obras de Natal, Fred Queiroz, firmou com o Ministério Público Federal e o MPRN para ajudar nas investigações da ‘Operação Manus’.
Segundo Fred, que era secretário de Turismo na última gestão de Carlos Eduardo Alves (PDT) e no novo quadriênio havia assumido a pasta de Obras, Henrique utilizou de sua influência para conseguir liberação de R$ 1,5 milhão junto a Secretária de Governo da Presidência da República, já em 2017, quando não ocupava mais a função de ministro do Turismo.
Isso, inclusive, foi uma das situações que configuraram o ‘tráfico de influência’ do ex-deputado nos autos da Operação Lavat, desdobramento da Manus deflagrada nos últimos dias no RN. A injeção citada, no entanto, não foi a primeira do ex-ministro no tocante às obras de enrocamento da Praia dos Artistas, uma vez que, ainda segundo o delator, o peemedebista havia conseguido outros R$ 4 milhões quando ainda era o titular do MTur.
De acordo com Queiroz, a intenção que Henrique Alves tinha ao ajudar no andamento das obras de enrocamento era “apenas para obter apoio político e garantir sua base eleitoral em Natal”, levando a crer que o ex-ministro, apesar de todas as investigações que já sofria, ainda tinha a intenção de disputar as eleições do ano que vem, que definirão o nome do novo governador do Estado.
Fred foi preso pela Polícia Federal no mesmo dia em que Henrique (6 de junho), mas acabou sendo solto dias depois diante da sua resposta afirmativa para o acordo de colaboração premiada. Em documento vazado neste domingo, 5, o dono da Prátika Locações, empresa que prestou diversos serviços na campanha de Henrique em 2014, assina quatro termos de colaboração, além de também ter sido acompanhado pela sua esposa, Erika Nesi, e pelo seu filho, Matheus Nesi.

Agora RN

Nenhum comentário: