28/02/2021

SOLIDARIEDADE: PREFEITO DE CANGUARETAMA DOA SALÁRIO PARA VÍTIMAS DAS ENCHENTES DE BAÍA FORMOSA

Prefeito de Canguaretama, Wellinson Ribeiro, doa salário para vítimas das enchentes de Baía Formosa 

As fortes chuvas que caíram em Baía Formosa-RN chegaram desabrigar famílias e gerar pânico ao perderem diversos utensílios das suas residências. A enchente da última sexta-feira (26) fez o prefeito da cidade vizinha, Wellinson Ribeiro, do município de Canguaretama, fazer uma visita neste domingo (28) aos locais mais atingidos e decidiu doar o seu salário de fevereiro, no valor de R$ 21.000,00, para os moradores prejudicados. 

As fortes e intensas chuvas alagaram ruas e casas no centro do município. A cidade também registrou queda de energia. Foram 128 milímetros de água em 6 horas, durante a madrugada e a manhã da última sexta-feira, de acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). 

“Não há como ter um atitude ao ver familiares da cidade vizinha desabrigados com a enchente e perderem seus móveis, muitos quase perderam tudo de sua casas. O mínimo que decidi fazer foi doar meu salário de fevereiro para os amigos da cidade irmã, para que seja minimizado o problema. É a hora de juntos fazermos algo, que poderia ter acontecido conosco”, conta o prefeito Wellinson Ribeiro. 

O vereador Netto Cavalcante, do Cidadania, fez o agradecimento. "Muitas famílias desabrigadas, famílias que perderam tudo e o prefeito, Wellinson Ribeiro, teve a solidariedade e um gesto muito nobre de vir doar o seu salário para ajudar a estas famílias. Desde já Baía Formosa agradece por uma atitude de solidariedade com o nosso povo", disse. 

A prefeita Camila Veras de Melo Cavalcanti (Republicanos), acompanhada do seu pai e ex-prefeito de Baía Formosa, Nivaldo Melo, também se solidarizaram e decidiram repetir a atitude de Wellinson ao fazer doações como pessoa física, além de garantir todo o apoio público da gestão municipal com novos auxílios aos moradores da cidade atingida.

Assecom

SENADO: KAJURU PEDE IMPEACHMENT DE ALEXANDRE DE MORAES

Mais um: Senador Kajuru pede ‘impeachment’ de Alexandre de Moraes por prisão do Deputado Daniel Silveira

O senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) quer ver o ministro Alexandre de Moraes fora do Supremo Tribunal Federal (STF). Por considerar que o magistrado cometeu ilegalidades em sua atuação na Corte máxima do país, o parlamentar apresentou pedido de impeachment. A decisão contra o integrante do Poder Judiciário foi protocolada nesta semana.

Para o pedido de impeachment, Kajuru atentou no caso envolvendo um colega de Congresso Nacional. De acordo com o senador, Moraes não poderia ter ordenado o encarceramento do deputado federal Daniel Silveira, então no PSL e hoje filiado ao PTB do Rio de Janeiro. No dia 16 de fevereiro, Silveira teve a prisão em flagrante determinada após divulgar vídeo em que aparecia criticando ministros do STF.

“Estamos ameaçados em exercer o direito de livre manifestação de pensamento e expressão”

No entendimento do político do Cidadania, a postura de Moraes vai contra determinados valores, como a liberdade de expressão. “Não se pode admitir que o Poder Judiciário use do seu poder de império não para atender [à] finalidade pública, mas como instrumento de mordaça”, pontua Kajuru em trecho do pedido, informa a rede Jovem Pan. “[Estamos ameaçados em] exercer o direito de livre manifestação de pensamento e expressão”, prosseguiu.

Kajuru apresenta mais críticas a Moraes

O caso Daniel Silveira não é o único a pautar o pedido de impeachment formulado pela equipe de Jorge Kajuru contra Alexandre de Moraes. No documento, o senador reclama de outras duas decisões tomadas pelo ministro: as validações dos inquéritos das fake news e dos atos antidemocráticos. Para o congressista, o magistrado faz uso do STF para “intimidar, ameaçar e violar os direitos e liberdades individuais de quem se manifestar contra a Corte e seus membros”.

Revista Oeste

NA FORMATURA FILHA SE VESTE DE FAXINEIRA PARA HOMENAGEAR MÃE

Estudante se veste de faxineira na formatura para honrar a mãe

Recém-graduada em Pedagogia, uma jovem de Santos (SP) decidiu se vestir de faxineira durante sua formatura como um gesto de homenagem a sua mãe.

A chegada da pandemia impediu Roberta Mascena, de 25 anos, de ter uma cerimônia de colação tradicional, com os familiares e amigos presentes. Mas a jovem encontrou uma maneira para prestar honra a Marlene Cordeiro de Oliveira. Durante a sessão de fotos, único momento em que a família poderia estar presente, ela vestiu o uniforme de trabalho da mãe por baixo da beca, e revelou o gesto na hora da fotografia.

– Na hora em que fomos tirar a foto, eu abri a beca e ela viu a roupa. Ela começou a chorar e me abraçou. Ela não falou nada porque eu acho que não tem palavras que possam expressar qualquer tipo de sentimento que ela teve naquele momento – relembrou Roberta.

HISTÓRIA DE LUTA

Nordestina, natural do sertão de Pernambuco, Marlene parou de estudar aos 13 anos a fim de trabalhar como empregada doméstica. Quando adulta, ela se mudou para São Paulo e casou-se com o taxista Roberto Mascena de Lima. Hoje prossegue com seu ofício em um prédio de Santos.

Com esforço, o taxista e a empregada doméstica pagaram os estudos de Roberta até a jovem conquistar uma bolsa e concluir a faculdade. Com ajuda da filha, Marlene também prosseguiu com os estudos, e em 2010 concluiu o Ensino Fundamental.

– Lembro dela saindo superfeliz das provas de matemática porque tirava as notas mais altas da sala (…) Ela é uma mulher nordestina, que veio para São Paulo, para sair da fome, da miséria. Acabou crescendo aqui, conseguiu trabalho, terminar os estudos. Ela merece de fato ser homenageada por tudo que ela fez por mim, pelo meu irmão e pelo meu pai – disse a jovem.

A pedagoga descreve a mãe como uma “pessoa incrível”, e acredita que sua história representa a de milhões de brasileiros.

– É uma pessoa que a humanidade poderia conhecer e se apaixonaria por ela. Ela é uma pessoa incrível. Ela merece mais do que uma simples homenagem. A história da minha mãe é uma história dura, de milhões de brasileiros que viveram na miséria por muito tempo, uns tiveram sucesso conseguiram sair e outros não.

Agora com o diploma em mãos, Roberta pretende fazer mestrado para dar aulas em universidades e atuar com crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

– É com a educação que a gente transforma as pessoas e a sociedade – conclui Roberta.

pleno.news

GOVERNADOR DE NY E CRÍTICO DE BOLSONARO É ACUSADO DE ABUSO SEXUAL

Crítico de Bolsonaro, governador de NY é acusado de abuso sexual

O governador democrata de Nova Iorque, Andrew Cuomo, abriu uma investigação independente após o jornal The New York Times publicar reportagem em que Charlotte Bennett, ex-assessora em seu gabinete, o acusa de abuso sexual e conduta imprópria.

Cuomo negou as acusações e disse que nunca agiu de maneira imprópria com Bennett ao anunciar Barbara Jones, ex-juíza federal dos Estados Unidos, para conduzir a apuração dos fatos relatados.

– Peço a todos os nova-iorquinos que esperem o resultado da investigação antes de fazer qualquer julgamento – afirmou.

Bennett é a segunda ex-assessora do governador de Nova Iorque a denunciar conduta imprópria. Em post na rede social Medium na última quarta-feira, Lindsey Boylan, que trabalhou no gabinete de Cuomo entre 2015 e 2018, falou que o governador a abusou em 2017.

O governador vem sendo criticado pelo legislativo local, com o Partido Republicano pedindo seu impeachment por conta das políticas contra a pandemia do novo coronavírus. Os dois partidos emitiram declarações pedindo uma “investigação realmente independente”.

Logo no início da pandemia, em abril do ano passado, Cuomo fez críticas à condução do Brasil no combate da Covid-19. Na época, ao defender as medidas de isolamento, o democrata afirmou que a gestão de Jair Bolsonaro e de países como a Suécia fazia com que muitas pessoas morressem.

Estadão

PARECE MENTIRA, MAS NÃO É: GALO MATA SEU PRÓPRIO DONO COM 'FACADA'

Galo usado em rinha ilegal na Índia mata dono com facada

Um galo que seria levado para participar de uma rinha ilegal, no sul da Índia, matou o próprio dono com um golpe de faca. O item, que tradicionalmente é colocado em galos que participam de brigas, atingiu a virilha do homem, que faleceu a caminho do hospital após perder muito sangue.

De acordo com autoridades locais, a ave estava sendo preparada para entrar em uma briga de galos quando tentou escapar. O dono então tentou agarrá-la e foi golpeado pela faca de cerca de 7 centímetros que havia prendido à perna do animal.

A polícia agora busca pelo menos outras 15 pessoas que estariam envolvidas no evento, que ocorreu nesta semana no vilarejo de Lothunur, no Estado de Telangana. O animal foi mantido na delegacia antes de ser transferido para uma fazenda.

A ave será levada ao tribunal como evidência quando o caso prosseguir na Justiça, conforme afirmou o policial B Jeevan ao jornal The New Indian Express. Os envolvidos são acusados ​​de homicídio culposo e de organizar rinhas ilegais e apostas irregulares.

Brigas de galo são ilegais na Índia desde 1960, mas ainda são relativamente comuns em áreas rurais do país, como Telangana. Muitas acontecem durante o festival hindu de Sankranti. Esta não é a primeira vez que o dono de um galo de briga é morto pelo animal.

No ano passado, um homem em Andhra Pradesh foi morto depois de ser atingido no pescoço por um lâmina que havia amarrado à ave. De acordo com a rede de televisão CNN, o homem também levava o galo para uma rinha quando o fato ocorreu.

pleno.news

GRÊMIO X PALMEIRAS: DECISÃO DA COPA DO BRASIL TEM HORÁRIO ALTERADO PELA CBF

Copa do Brasil: CBF altera horário do jogo de ida da final entre Grêmio e Palmeiras

A CBF confirmou nesta sexta-feira a mudança de horário do primeiro jogo da final da Copa do Brasil, entre Grêmio e Palmeiras, na arena gremista, em Porto Alegre. Inicialmente marcado para as 16h deste domingo, o jogo passa para as 21h. O jogo da volta, na próximo domingo, em São Paulo, já havia sido alterado para as 18h. As partidas terão transmissão da TV Globo.

A alteração de horário foi um pedido do governo do Rio Grande de Sul para evitar aglomerações. O governador Eduardo Leite articulou as conversas com a CBF. No início da tarde desta sexta, já havia sinal positivo da entidade para acatar o pedido, o que foi oficializado no fim da tarde.

Na última quarta, houve uma reunião do governo gaúcho com representantes de Inter e Grêmio, autoridades municipais e estaduais e a Federação Gaúcha de Futebol para tratar sobre o tema. O apelo era para estarem todos engajados em campanhas contra aglomerações e discutir possíveis mudanças na realização de partidas.

O Rio Grande do Sul vive um período de aumento de número de casos de coronavírus e internações em hospitais em todo o estado. O sistema de cogestão com as prefeituras foi suspenso, e todas as regiões do estado entrarão em bandeira preta a partir deste sábado. A classificação no sistema de distanciamento controlado do governo gaúcho indica o mais alto grau de risco para o coronavírus.

Em São Paulo, a capital paulista regrediu para a fase laranja da quarentena, que veta o funcionamento de bares e permite que restaurantes operem até as 20h. A cidade completou um ano de Covid-19 e também registra lotação recorde em hospitais privados e públicos.

ge

ÓTICA DINIZ: DESAFIO MENOR PREÇO - COBRIMOS QUALQUER OFERTA

 Ótica Diniz faz você feliz

Promoção válida de 01 de janeiro de 2021 até 29 de fevereiro ou enquanto durarem os estoques. As Óticas Diniz cobrem o orçamento da concorrência desde que seja apresentado panfleto, ou informativo do concorrente descritos os valores e referência do produto, na mesma política de pagamento. Formas de pagamento: dinheiro ou nos cartões de débito/crédito. Para compras nos cartões de crédito, consulte as bandeiras disponíveis antecipadamente e as possibilidades de parcelamento. Algumas lojas Óticas Diniz, por razões burocráticas, podem não oferecer todas as bandeiras de cartão de crédito. Consulte as lojas participantes das Óticas Diniz. Para compras em crediário e primeiro pagamento em 60 dias, é necessária aprovação de crédito da financeira. Promoção exclusiva para compras realizadas nas lojas físicas das Óticas Diniz, não sendo aplicada para as compras feitas pelo site. Eventuais erros têm preservado o direito de retificação. Imagens meramente ilustrativas. Promoção não cumulativa com outras promoções da rede Óticas Diniz, vouchers de descontos e parcerias com pagamento em permuta.


PARA 70% DOS BRASILEIROS TROCA DE COMANDO NA CÂMARA E NO SENADO FOI POSITIVA

Troca de presidentes da Câmara e do Senado foi positiva para 70% dos brasileiros

Levantamento exclusivo contratado pelo site Diário do Poder e esta coluna revela que quase 71% dos brasileiros consideram positiva a troca das presidências da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

Apenas 19,5% consideram negativa a substituição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) por Arthur Lira (PP-AL) e de Davi Alcolumbre (DEM-AP) por Rodrigo Pacheco (DEM-MG). Outros 9,7% preferiram não opinar. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Na região Sudeste, a troca no comando do Poder Legislativo é benéfica ao País para 69,4%. No Sul, essa convicção chega a 72,8%.

É baixa (23,6%) a maior rejeição à troca dos presidentes da Câmara e do Senado, entre entrevistados com ensino superior completo. Os homens gostaram mais da troca de presidentes da Câmara e do Senado: 74,4%. Entre as mulheres a aprovação cai para 67,6%.

O Paraná Pesquisas entrevistou 2.070 habitantes de 192 municípios, nos 26 estados e do Distrito Federal, entre os dias 24 a 26 de fevereiro.

DIÁRIO DO PODER

O 'PODEROSO' PADRE ROBSON QUE MESMO AFASTADO CAUSA MEDO NA CAPITAL DA FÉ EM GO

Influência de padre Robson resiste e causa medo na capital da fé em GO

Um dos padres mais famosos e populares da Igreja Católica no Brasil, e que é figura central numa suspeita de desvio de dinheiro doado por fiéis, o padre Robson de Oliveira, de Trindade (GO), está afastado das missas e proibido, por decreto canônico, de se manifestar, desde agosto do ano passado, quando o escândalo veio à tona. Apesar do silêncio e suposto distanciamento, a influência dele resiste, é grande e intimida os moradores da capital da fé, em Goiás.

Figura de grande brilho entre devotos católicos como também de outras denominações religiosas, com pendor para estrela pop, devido a multidões que atraía fisicamente ou nos meios eletrônicos, padre Robson é o personagem principal de um escândalo com requintes de ficção.

Ingredientes não faltam para uma boa novela ou série da Netflix: exposição midiática, relacionamentos pessoais obscuros, rede intrincada de relações (contendo políticos, pessoas ricas e até polícia e Judiciário), gravações não autorizadas de encontros privados, chantagens, traições, ameaças e muito, mas muito dinheiro envolvido.

E as reviravoltas tão comuns nas tramas? Essas não apareceram ainda. Mas outro elemento de ficção que sempre envolve pessoas poderosas e influentes, e que também faz parte da história do padre, é o temor que os personagens poderosos provocam nas pessoas. O medo, esse sim, resiste em Trindade.

Falar abertamente sobre ele é um tabu entre as pessoas da cidade onde o padre nasceu, foi coroinha, formou-se missionário redentorista, sacerdote e tornou-se líder de uma das maiores festas religiosas do país. A festa do Divino Pai Eterno, que acontece entre junho e julho, atraiu 3 milhões de pessoas, em média, nos últimos anos.

O Metrópoles esteve em Trindade e procurou, durante a semana, dezenas de pessoas de diferentes áreas de atuação, conhecedoras da história ou que tiveram alguma relação com o padre. Todas expressaram o mesmo receio. Frases como “não coloque o meu nome nisso aí”, “prefiro não falar sobre isso” e “é perigoso” foram as mais repetidas, até entre seus desafetos.

“O povo aqui é problema”, expressou um dos procurados pela reportagem, que chegou a enfiar a mão no bolso do repórter, tirar o celular e jogar dentro do carro dele, que estava próximo, para que nada fosse gravado ou registrado durante a conversa. Tudo, por medo.

Aqueles que aceitaram falar pediram para não serem identificados e relataram o cenário que persiste no município. Embora afastado e envolvido em polêmicas, as influências construídas pelo padre ao longo de sua trajetória na igreja seguem vivas em várias frentes, da política à economia local, principalmente do ponto de vista financeiro.

Histórias sobre o suposto enriquecimento e a vida pessoal de padre Robson, adorado por milhares de fiéis em todo o país, sempre correram à boca miúda entre os moradores da cidade e da região. Tanto, que teriam motivado o início de chantagens e até a extorsão sofrida por ele, após um grupo criminoso ter hackeado dispositivos eletrônicos e afirmado que teria informações comprometedoras sobre a vida financeira e pessoal do sacerdote.

metropole

BRASIL MANDOU PARA O ESPAÇO NESTE DOMINGO (28) SEU 1º SATÉLITE 100% BRASILEIRO

Satélite Amazônia 1, primeiro totalmente feito no Brasil, é lançado ao espaço

O Amazônia 1, primeiro satélite completamente brasileiro, foi lançado ao espaço na madrugada deste domingo (28). O lançamento ocorreu às 1h54, no Centro de Lançamento Sriharikota, na Índia. O satélite brasileiro foi ao espaço juntamente com os satélites Sindhu Netra (India), Nanoconnect-2 e SpaceBee (12 ) (ambos dos Estados Unidos).

Cerca de 17 minutos após o lançamento do foguete PSLV-C51, o satélite se separou (assista ao vídeo mais abaixo) e fez suas primeiras atividades previstas, como a abertura do painel solar, a estabilização de sua orientação em relação à Terra, a verificação dos sistemas e a colocação do modo de prontidão.

Em vídeo gravado e divulgado após o lançamento, o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Clezio de Nardin, declarou que a próxima etapa é iniciar a fase de testes para verificar o satélite e ajustes em sua câmera.

O equipamento é o terceiro a formar o sistema Deter e vai auxiliar na observação e no monitoramento do desmatamento na região amazônica. Com 4 metros de comprimento e 640 kg, o Amazônia 1 vai ficar a 752 quilômetros acima da superfície da Terra em uma órbita entre os polos norte e sul e vai capturar imagens em alta resolução. As fotos começarão a ser tiradas cinco dias após o satélite se estabilizar na órbita.

O satélite foi desenvolvido no Inpe, em São José dos Campos, e levado em 22 de dezembro para a Índia para ser lançado. Embarcaram em fevereiro para acompanhar o envio do satélite o diretor do Inpe e o Ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes.

Do espaço, ele vai mandar o sinal para três estações de monitoramento no Brasil: uma em Cuiabá (MT), a outra em Alcântara (MA) e a terceira em Cachoeira Paulista (SP). Todos os movimentos do satélite serão coordenados de uma outra estação, que fica no Inpe.

Investimentos e paradas no projeto

O projeto começou há oito anos, na sede do Inpe, e teve um investimento de R$ 400 milhões e envolvimento de diversos pesquisadores.

Após oito anos para construção, com ameaças de paradas no projeto por falta de orçamento, ele foi concluído para testes em dezembro de 2020. No Inpe, o equipamento passou por uma bateria de análises até a liberação para transporte, que foi feita ainda em dezembro.

Inicialmente, o lançamento estava previsto para o dia 22 de janeiro, mas a data foi remarcada. A mudança foi feita a pedido da equipe de lançamento, que pediu mais tempo para as etapas finais de preparação. Com isso, a data foi alterada para este domingo.

Foi montado um esquema de transporte com o satélite desmontado. Ele foi levado por um avião cargueiro e passou pelo Senegal antes de chegar ao seu destino final, na Índia.

Verba

Pouco antes do lançamento, o Inpe suspendeu as bolsas de 107 pesquisadores no instituto por falta de verba. A modalidade de bolsas cortadas é a PCI, que mantém pesquisadores em atividades de trabalho, não só pesquisa, dentro do instituto.

A medida atingiu sete pesquisadores do setor do Amazônia 1, envolvidos nas etapas finais e plano de vôo do lançamento. Sem recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia, eles estavam impedidos de trabalhar e, com isso, o lançamento do equipamento estaria em risco.

Para manter a data, a Agência Espacial Brasileira (AEB) teve de intervir e custear as bolsas. Pouco antes de embarcar à Índia, o ministro Marcos Pontes afirmou que a verba será remanejada e as bolsas mantidas.

O G1 pediu ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) detalhes sobre a fala do ministro e aguardava retorno até a publicação da reportagem.

G1

INGREDIENTE FARMACÊUTICO ATIVO (IFA) CHEGA AO BRASIL PARA PRODUZIR 12 MILHÕES DE DOSES DE VACINA

Material para produzir 12 milhões de doses da vacina de Oxford chega ao Brasil

Uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) suficiente para produzir 12,2 milhões de doses de vacina contra a covid-19 chegou na tarde deste sábado (27) ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão/Tom Jobim).

O material veio em um avião procedente da China e será encaminhado à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

O produto será processado pelo Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz), que produzirá os mais de 12 milhões de doses de vacina AstraZeneca/Oxford.

Esse é o segundo lote de IFA que chega para a Fiocruz. Em 6 de fevereiro, já havia chegado um lote suficiente para produzir 2,8 milhões de doses, que ainda estão sendo processados pela Fiocruz.

Os 15 milhões de doses serão entregues ao Programa Nacional de Imunizações, para serem posteriormente distribuídos para os estados e municípios.

Até junho, a Fiocruz estima receber lotes de IFA suficiente para produzir 100,4 milhões doses de vacina.

Além do IFA, a Fiocruz também recebeu 4 milhões de doses prontas da vacina AstraZeneca/Oxford e deve receber mais 8 milhões nos próximos meses.

R7

CAMPEONATO POTIGUAR DE FUTEBOL: JOGOS DESTE DOMINGO (28) E ESCALA DE ARBITRAGENS

Veja os jogos, horários, locais e arbitragens




Fonte: Coronel Ricardo Luiz Albuquerque Costa, presidente da CEAF - Federação Norteriograndense de Futebol

LAMENTÁVEL: MENINA DE 12 MATA FILHO RECÉM-NASCIDO COM AJUDA DA MÃE

Menina de 12 anos mata filho recém-nascido a facadas e enforcado em MG, com ajuda da mãe

A mãe e a avó de um recém-nascido são suspeitas de assassinar com facadas e enforcado por um fio de carregador de celular, o bebê que tinha acabado de nascer de parto normal e em casa. O crime brutal aconteceu em Ponte Nova, na Zona da Mata de Minas Gerais, nesta quinta-feira (25). 

A mãe do bebê, que tem 12 anos, disse que foi ela quem esfaqueou e enforcou o filho, após um parto normal na residência dela. A avó do menino, uma mulher de 44 anos, deu várias versões contraditórias sobre o crime. Ela disse que não sabia da gravidez da filha e que não ajudou no parto, mas depois testemunhas relataram que ela auxiliou o nascimento do neto. 

De acordo com o boletim de ocorrência, a menina de 12 anos namorava um adolescente de 16 anos, desde meados do ano passado, com autorização da mãe dela. A garota ficou grávida, mas relatou não saber da gestação. Ela sentiu cólicas nos últimos dias, mas disse que acreditava que fossem menstruais. A mãe deu remédio para ela e pediu que ela tomasse sol para ver se melhorava. 

A adolescente contou que, nesta quinta-feira, estava em seu quarto, quando as dores aumentaram e ela começou a ter sangramentos. Ela disse que, logo depois, viu que o bebê estava nascendo. A menina contou ainda que tirou o filho sozinha e que sua mãe, ao chegar no quarto e ver a cena, saiu pela rua correndo e gritando por socorro. 

Nesse momento, a mãe do recém-nascido, disse que pegou uma faca na cozinha e esfaqueou o bebê. Ela também o enforcou com um fio de carregador de celular e só parou com as agressões quando vizinhos chegaram à casa dela. A garota argumentava o tempo todo com os militares que agiu sozinha e que a mãe dela não tinha culpa de nada. “A má aqui sou eu, se minha mãe tivesse me ajudado ela estaria cheia de sangue”, disse aos policiais. 

O bebê foi socorrido para o Hospital Nossa Senhora das Dores, em Ponte Nova, onde foi atendido, mas não resistiu. Os médicos disseram que era impossível a menina ter feito o parto sozinha e que também era impossível ela não ter percebido que estava grávida por causa do tamanho da barriga e da movimentação fetal. 

Diante da afirmação, a menina confessou que a mãe a ajudou a tirar o bebê. “Peguei ele das mãos dela (da mãe) e acho que, sem querer, bati com a cabeça no puxador da cômoda. Ai minha mãe saiu correndo gritando os vizinhos. Eu fiz aquilo lá, tentei cortar o pescoço do neném e tentei sufocar com o fio do celular, só que quando minha mãe voltou com os vizinhos eu parei de fazer”, contou a garota, no boletim de ocorrência. 

Segundo a polícia, após todas as versões contraditórias, a adolescente também assumiu que a avó do bebê a ajudou no crime. “A menor confessou que a mãe (da adolescente) teria a ajudado, não só no parto, como também elas atacaram a criança logo após o nascimento com uma faca de cozinha e ainda tentaram enforcar a criança com um fio de carregador de celular”, informou o sargento Vinicius Alcântara. 

Avó continuou negando crime 

A mulher de 44 anos continuou a dizer que não sabia da gravidez da filha, mas relatos da namorada dela e da filha estão em contradição com o que ela diz. A menina contou aos militares que a mãe a ameaçava, caso ela engravidasse, dizendo que iria mandar a filha para morar com o pai, coisa que a adolescente não queria. 

A namorada da mulher mais velha também contou que percebeu a gravidez da garota e questionou a companheira, mas a suspeita se irritou, começou uma briga e mandou a namorada cuidar das próprias filhas. 

Aos policiais, a suspeita disse que percebeu apenas que a filha estava engordando, mas não sabia da gravidez e que achou que as cólicas fossem menstruais. Ela alega também que não percebeu atraso na menstruação da adolescente. 

Apesar da garota também afirmar que não sabia que estava grávida, o namorado dela contou que há cerca de seis meses, ela disse sobre a gravidez e pediu que ele comprasse remédio para abortar. O adolescente se negou a efetuar a compra e também não contou a ninguém sobre a gestação. Ele foi apreendido por estupro de vulnerável por ter engravidado a menina de 12 anos. 

Vizinhas ajudaram no socorro 

Quando a mulher começou a gritar na rua, vizinhas entraram na residência e embrulharam a criança em uma coberta. As testemunhas relataram que tinham percebido que a adolescente estava grávida, ao ver ela na rua, dias antes do crime. 

Disseram também que não perceberam que o recém-nascido estava ferido no pescoço e que se preocuparam em acionar os bombeiros e socorrer a criança, que foi levado junto com a adolescente para o hospital. 

Suspeita alterou cena do crime 

Logo após o crime, a suspeita de 44 anos começou a mandar áudio de Whatsapp para contar para várias pessoas o que tinha acontecido. Ela também pediu ajuda da namorada e as duas colocaram para lavar toda a roupa de cama que ficou com marcas de sangue. 

De acordo com o sargento, todo os indícios levam a crer que as duas contaram várias mentiras durante o registro policial. “Os médicos concluiram, não só pelas lesões que adolescente apresentava, pela idade e formação corporal e pelo fato do bebê ter nascido com uma formação completa de nove meses, que houve ajuda no parto. Foram também apresentadas várias contradições por todos os envolvidos, somado ao fato da perícia (da Polícia Civil) encontrou uma faca suja de sangue e um fio de carregador também sujo de sangue e também o fato de que, quando os militares chegaram àcasa, as mulheres limpavam a cena do crime. Por tudo isso, os militares concluiram que a mãe e avô do bebê, infelizmente, participaram ativamente do crime”, explicou o sargento. 

Por causa das versões contraditórias, a mulher foi presa. A namorada dela também foi detida por alterar a cena do crime. A Polícia Civil foi acionada e realizou os trabalhos de investigação no local. 

A adolescente ficou internada já que passou por um parto de alto risco e estava muito ferida. O Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar o caso e a adolescente ficou sob escolta policial.

O Tempo

A ESQUERDA NÃO QUER AUTONOMIA DO BANCO CENTRAL E VAI AO STF

Esquerda vai ao STF para suspender autonomia do Banco Central

Na última quinta-feira (25), uma ação de autoria do Partido dos Trabalhadores (PT) e do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) foi ajuizada no Supremo Tribunal Federal (STF).

Na petição da demanda judicial, as siglas pleiteiam a suspensão da proposta de autonomia do Banco Central (BC), projeto aprovado pelo Congresso Nacional e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com os partidos de esquerda, a medida “ofende flagrantemente a Constituição Federal”, uma vez que submete a estrutura do sistema financeiro brasileiro aos “interesses do mercado”, fazendo com que, na visão deles, as políticas econômica e monetária sejam menosprezadas.

As legendas desejam ainda que a Procuradoria-Geral da República (PGR) e a Advocacia-Geral da União (AGU) emitam parecer técnico sobre o caso.

Conexão política

MEGA-SENA 2.348 TEM UM GANHADOR DO RIO DE JANEIRO (SÁBADO 27/02)

Aposta do Rio ganha prêmio de quase R$ 50 milhões da Mega-Sena

Alguém terminou o mês de fevereiro milionário após o sorteio da Mega-Sena na noite deste sábado (27/2). Segundo a Caixa Econômica Federal, responsável pela loteria, uma única aposta acertou as seis dezenas e levou o prêmio de R$ 49.341.885,20. A aposta foi feita na cidade do Rio de Janeiro (RJ).

As dezenas sorteadas são: 02 – 03 – 07 – 48 – 51- 54.

Segundo a Caixa, 107 apostas acertaram cinco números e vão receber R$ 38.652,61. 

Já as 6.601 apostas que acertaram a quadra, recebem R$ 895,06. 

O próximo sorteio será quarta-feira, 3 de março, com prêmio estimado em R$ 2,5 milhões.

A PALAVRA DE DEUS PARA ESTE DOMINGO (28) - POR PADRE BIANOR JR.

Padre Bianor Jr.


SEGUNDO DOMINGO DA QUARESMA 

Natal/RN 

28 de fevereiro 2021

Mc 9,2-10:

"Mestre, é bom estarmos aqui! Vamos fazer três tendas: uma para ti, uma para Moisés e uma para Elias". (...)uma nuvem, cobrindo-os com sua sombra. E da nuvem surgiu uma voz: "Este é meu Filho amado. Ouçam-no".

Irmãs e irmãos, 

A cena da transfiguração é uma amostra do que é ser o Cristo glorioso. 

A nuvem simboliza a presença de Deus, que administra a história da salvação. 

No Antigo Testamento, duas figuras se destacam: Moisés, o grande líder do povo de Israel e zeloso transmissor da Lei de Deus; Elias, o grande profeta, que interpretava e transmitia ao povo a vontade de Deus.

Moisés e Elias conversam com Jesus, não com os discípulos de Jesus. 

Estes tém a quem ouvir: "Este é meu Filho amado. Ouçam-no". Doravante, o comunicador autorizado do Pai é seu Filho Jesus. 

Para o momento, o Mestre e os três apóstolos deverão deixar esse ambiente de glória e retornar à realidade.

A glória virá, mas antes eles terão que Percorrer o caminho da cruz. 

Prenúncio de Vitória para jesus e também para os discípulos.

Cf.paulus, agenda 

Salmo 115:

Andarei na presença de Deus, junto a ele, na terra dos vivos.


Pe Bianor 
Paróquia de Nossa Senhora da Apresentação


MISSAS HOJE :

7h - Matriz/Antiga Catedral 

9h - Coração de Jesus/Passo da Pátria 

11h - Matriz/Antiga Catedral 

16h30- Matriz/ Antiga Catedral

27/02/2021

O CEARAMIRINENSE YRAHN BARRETO LANÇA NESTE DOMINGO (28) ALBUM 'SOM DO ISOLAMENTO'

Yrahn Barreto lança álbum ´Som no Isolamento` neste domingo no You Tube

O “Som no Isolamento” é a reunião de composições do cantor, compositor e instrumentista Yrahn Barreto, feitas durante o período de quarentena devido a pandemia que afeta o mundo atualmente. No processo de composição das canções, são muitas as reflexões sobre o cenário atual, Yrahn leva para as músicas suas sensações e percepções acerca do isolamento social.

O álbum tem data prevista para lançamento dia 28 de fevereiro de 2021 no youtube. Som no isolamento tem o patrocínio da prefeitura do Natal e do Governo Federal por meio da lei Aldir Blanc. Projeto contemplado na chamada pública de emergência cultural - n˚ 04/2020. 

Em 10 faixas sendo 6 em parcerias com os compositores Climério Ferreira do pessoal do Ceará, o artista visual e compositor Carlos Sérgio Borges, o cantor e compositor paraibano Keneddy Costa, a poeta potiguar Jeane Araújo e a participação especial do cantor e compositor Zeca Baleiro que assina duas músicas em parceria com Yrahn e a direção artística do álbum. Yrahn explora sua sonoridade e diversidade como instrumentista ao conceber os arranjos e as composições sozinho ou online com seus parceiros. “Quando eu viajar de novo”, é a primeira dessa leva de canções compostas neste período de pandemia que teve sua versão inteiramente produzida por Yrahn Barreto em casa, é uma canção que descreve a esperança de sentir novos gostos ao viajar de novo, dando novo sentido à vida ao sair de casa num novo tempo pós pandemia. “Tempo de viver”, também composta no período de isolamento, retrata a vontade de viver e a ressignificação da vida, sua reflexão desde o olhar interno do próprio ser à importância de lutar pela vida valorizando cada momento, cada minuto para si e para o próximo.

Antes mesmo desse período, Yrahn começou a gravação de seu quarto álbum, fruto desse trabalho ainda em fase de conclusão, assim surge a faixa “De repente” produzida em parceria com o produtor musical Jubileu Filho. Outra canção desse novo trabalho é “Seridó”, um resgate de um poema da poeta Jeane Araújo musicado por Yrahn há anos, porém havia se perdido e agora ganha uma nova versão. “Se eu fizer uma canção” é uma balada que expressa a simples vontade de compor uma canção que pode ser de amor, uma balada que toque o coração, que entre fundo na alma de maneira sincera e calma, uma parceria feita virtualmente com o cantor e compositor Zeca Baleiro. "As nuvens passam" é a segunda composição em parceria com Carlos Sérgio Borges, artista visual consagrado no RN. “Reclame” é uma parceria com Climério Ferreira, a canção de protesto descreve a radiografia poética do Nordeste e seus valores. "De repente”, composta para o novo álbum, foi a primeira a ser produzida e lançada como Single antes da pandemia, “Nem pra casa ela voltou” É a conexão RN e PB virtualmente concebida por Yrahn Barreto e Keneddy Costa através de áudio de whatsapp. 

A última canção feita para o álbum leva o título de Som no isolamento, um funk que diz: “…quando isso tudo findar eu quero esta no mundo…" Esse novo trabalho de Yrahn Barreto foi todo construído a partir dessa nova realidade, a mais pura expressão do artista dentro da perspectiva num momento atípico para a humanidade de forma remota. 

Ficha técnica:

  • Voz: Yrahn Barreto
  • Violões: Yrahn Barreto e Jubileu Filho
  • Bateria: Larry Mateus 
  • Baixo: Jubileu Filho 
  • Guitarra: Yrahn Barreto
  • Sanfona: Carol Benigno
  • Efeitos: Yrahn Barreto
  • Programações: Érico Theobaldo
  • Captação de vozes: estúdio Sérgio Farias, exceto "De repente”gravada no Beju estúdio e a voz do Zeca, gravada no seu estúdio 
  • Gravação de bateria, baixo: Beju Estúdio 
  • Coro: Yrahn Barreto e Jamilly Mendonça 
  • Mixagem e masterização: Walter Costa
  • Direção musical: Yrahn Barreto
  • Produção musical: Yrahn Barreto 
  • Arranjos: Yrahn Barreto
  • Produção artística: Zeca Baleiro
  • Produção executiva: Jamilly Mendonça 
  • Projeto gráfico: Yrahn Barreto
  • Fotos: Jamilly Mendonça
PN

CIRO GOMES, QUE FEZ AS PAZES COM LULA, QUER DERROTAR O PT

Bater em “cachorro morto”; Ciro Gomes sonha em derrotar o PT

Em entrevista à Folha de São Paulo, o ex-ministro Ciro Gomes voltou a defender “uma amplíssima união de centro-esquerda” para derrotar o presidente Jair Bolsonaro em 2022.

“Nesse quadro de hiperfragmentação, quem for contra o Bolsonaro no segundo turno tem tendência de ganhar a eleição. O menos capaz disso é o PT. Por isso, a minha tarefa é necessariamente derrotar o PT no primeiro turno”, afirmou.

O pedetista disse também que o ex-presidente Lula escolheu Fernando Haddad como pré-candidato “porque não fará sombra a ele nem hoje nem jamais”. “Ou seja, quer replicar a escolha da Dilma [Rousseff]”, disse.

Portal Grande Ponto

CEARÁ-MIRIM: VERÃO REDEMAIS - MERGULHE NA ONDA DAS GRANDE OFERTAS DE 23/02 A 03/03/21


 

A REVISTA FORBES APRESENTA AS MULHERES MAIS RICAS DO BRASIL

Conheça as mulheres mais ricas do Brasil, segundo a Forbes

Luiza Trajano viu o seu patrimônio se multiplicar com a valorização das ações da varejista Magazine Luiza (MGLU3), que dobraram de preço na bolsa.

Dona Luiza, como é conhecida, tornou-se a maior bilionária brasileira – com R$ 24 bilhões acumulados, de acordo com ranking da revista Forbes. Luiza é a única mulher no top 10 da lista geral de bilionários brasileiros. Em 2019, ela ocupava a 24º posição e saltou para a 8ª em 2020.

O total de mulheres na lista de bilionários brasileiros da Revista Forbes passou de 33 para 46 em 2020. Ao todo, o ranking de bilionários tem 238 nomes, sendo que, destes, 46 são mulheres.

As ações do Magazine Luiza dobraram de preço na bolsa, graças à estratégia de inovação digital da companhia e de investimento no e-commerce, incluindo a aquisição da Netshoes, da startup de delivery de comida AiQFome e de três plataformas digitais de mídia: a Canaltech, a Unilogic Media e a InLoco Media.

No entanto, Dona Luíza não é a única bilionária. Outras 18 mulheres aparecem na lista dos 100 brasileiros mais endinheirados do país — ou seja, elas não representam nem 20% do total. Muitas são herdeiras de impérios, como WEG (WEGE3) e Itaú (ITUB3), diferente da Dona Luiza e da Dulce de Godoy Bueno, que construíram seus patrimônios.

Confira o top 10 das bilionárias brasileiras:

1 – LUIZA HELENA TRAJANO

Patrimônio: R$ 24 bilhões

Origem do patrimônio: Varejo

2 – DULCE PUGLIESE DE GODOY BUENO

Patrimônio: R$ 16,34 bilhões

Origem do patrimônio: Saúde

Godoy Bueno fundou, com seu ex-marido, Edson de Godoy Bueno, a rede de assistência de saúde Amil, em 1972. Ela deixou o dia a dia da companhia, mas manteve uma participação acionária estimada de 33%. Após a compra da empresa pela UnitedHealth em 2012, a médica investiu na rede de laboratórios Dasa, da qual detém 48%.

3 – FLÁVIA BITTAR GARCIA FALEIROS

Patrimônio: R$ 11,46 bilhões

Origem do patrimônio: Varejo

Herdeira do casal Wagner e Maria Trajano Garcia, que fundaram o Magazine Luiza, Garcia Faleiros tem uma participação na varejista por meio da holding Walter Garcia Participações.

4 – MIRIAM VOIGT SCHWARTZ

Patrimônio: R$ 10,77 bilhões

Origem do patrimônio: Indústria de motores

5 – CLADIS VOIGT TREJES

Patrimônio: R$ 10,66 bilhões

Origem do patrimônio: Indústria de motores

6 – VALSI VOIGT

Patrimônio: R$ 10,56 bilhões

Origem do patrimônio: Indústria de motores

As três “Voigts” têm participações acionárias na fabricante de motores WEG, que foi cofundada por seu pai, Werner Voigt. As irmãs e seus herdeiros são donos de 33,33% da holding WPA, que responde por 50,1% da WEG.

7 – MARIA HELENA MORAES SCRIPILLITI

Patrimônio: R$ 9,46 bilhões

Origem do patrimônio: Diversos

Herdeira do empresário José Ermírio de Moraes, que fundou a Votorantim.

8 – ANA LÚCIA DE MATTOS BARRETO VILLELA

Patrimônio: R$ 8,74 bilhões

Origem do patrimônio: Setor financeiro

É uma das maiores acionistas individuais do Itaú-Unibanco. Ela preside o Instituto Alana, organização sem fins lucrativos voltada para projetos culturais.

9 – CAMILLA DE GODOY BUENO GROSSI

Patrimônio: R$ 8,5 bilhões

Origem do patrimônio: Saúde

É uma das maiores acionistas da Dasa, após a morte do pai, Edson de Godoy Bueno. Ela também tem uma fatia acionária pequena na Amil.

10 – LILY WATKINS COHEN MONTEVERDE

Patrimônio: R$ 6,76 bilhões

Origem do patrimônio: Setor financeiro

Viúva de Edmond Safra, Lily administra o patrimônio deixado pelo banqueiro. Ela também herdou fortuna do marido anterior, Alfredo Monteverde, e ajuda diversas instituições de caridade.

RN: IGREJA CATÓLICA SUSPENDE MISSAS APÓS DECRETO

Após decreto, Igreja Católica suspende missas no Rio Grande do Norte

Os bispos da Igreja Católica no Rio Grande do Norte suspenderam as celebrações de missas no estado e definiram orientações às paróquias, após publicação de decreto do governo do estado que prevê suspensão de atividades religiosas, entre outras medidas, para conter o aumento de casos da Covid-19. A decisão vale entre os dias 1º e 10 de março.

Em nota, os líderes religiosos afirmaram que foram contatados pelo governo nesta sexta-feira (26), compreendem a gravidade do momento e tomaram a decisão "em espírito de recíproca cooperação e corresponsabilidade".

"Tendo em conta a vida como bem maior a ser preservado, achamos por bem acatar o disposto no decreto estadual nº 30.383, de 26 de fevereiro de 2021", informaram em nota. Veja as medidas anunciadas pela igreja:
  • Ficam suspensas as celebrações (missas e outras), com a participação presencial dos fiéis, de 1º a 10 de março
  • As missas serão celebradas nas catedrais e matrizes, de portas fechadas, com a restrita participação de uma equipe celebrativa de apoio, composta por, no máximo, cinco pessoas;
  • As celebrações serão transmitidas através das plataformas digitais de comunicação da própria paróquia
  • As igrejas serão mantidas abertas em seus regulares horários de funcionamento para os momentos de orações pessoais dos fiéis, obedecendo protocolos sanitários e de biossegurança
  • Ficam mantidos os atendimentos individualizados aos fiéis, por parte dos sacerdotes, bem como secretarias paroquiais
"Por fim, recomendamos a todos os fiéis católicos, muito especialmente aos padres dos nossos cleros, que se mantenham atentos às realidades e necessidades que afloram mais nitidamente nesses momentos de maiores restrições. Tudo isso traz implicações – inclusive econômicas e sociais – sobre a vida das pessoas. Isto nos faz pensar nos mais pobres e nos que dependem das atividades informais", afirmaram os bispos, na nota.

"Lembremo-nos da exigência da partilha como compromisso inerente à nossa condição de cristãos. Gastemos tempo e não poupemos esforços para promover iniciativas e campanhas que sirvam de sinal e alento para quem mais precisa", diz ainda, a nota.

G1

'TEREMOS QUE DEVOLVER DINHEIRO AOS CORRUPTOS COM ANULAÇÃO DA LAVA JATO' - DIZ MINISTRO FUX

“Se a Lava Jato for anulada, teremos que devolver dinheiro aos corruptos”, diz Fux

Em entrevista à revista IstoÉ, em edição publicada neste fim de semana, o presidente do STF, ministro Luiz Fux, disse que não acredita que o Judiciário vá anular todas as ações da operação, sobretudo as que foram baseadas em “provas fartas”. Ele diz que se a Lava Jato for anulada “o Judiciário terá de contratar um contador para devolver dinheiro para os corruptos e corruptores”.

“A Lava Jato não é uma operação isolada. Ela faz parte do ideário de combate à corrupção já enraizado no País. Há dezenas de ações e processos em andamento espalhados pelo Brasil, que ainda precisam ser julgados. Eventuais erros da operação devem ser tratados como questões pontuais e analisados no foro adequado. Mas não há dúvida do êxito da Lava Jato no combate aos crimes de colarinho branco. Se a Lava Jato for completamente anulada, teremos de contratar um contador para devolver todo dinheiro para os corruptos e corruptores. E é importante frisar que há confissões, dezenas de testemunhas, pessoas que admitiram crimes e provas fartas de corrupção”, disse Fux ao ser perguntado se a operação corre o risco de acabar e suas conquistas serem destruídas.

Com informações de IstoÉ.

NA FALTA DA MÁSCARA MULHER TIRA A CALCINHA E RESOLVE O PROBLEMA

Mulher retira calcinha e usa como máscara em supermercado

Uma mulher foi flagrada retirando a calcinha fio e colocando no rosto para usar como máscara de proteção contra a covid-19 em um supermercado Pick na África do Sul. Não foi informado quando aconteceu, mas o caso foi amplamente divulgado na mídia durante esta semana.

A ação aconteceu após uma funcionária informar que a mulher não poderia ser atendida sem o acessório de proteção.

A cliente alegou que não tinha a máscara e a funcionária ameaça retirá-la do estabelecimento. No mesmo instante, a mulher retirou a calcinha.

Outra compradora parabeniza pela ação dizendo "muito bem". Após a confusão por conta da "máscara calcinha", essa mesma pessoa que parabenizou foi flagrada afirmando a funcionários da loja para retirarem as proteções faciais deles. Ela disse ainda que não utilizaria o equipamento pois era seu direito constitucional, divulgou o site local The Citizen News.

Desde 1º de fevereiro é proibido não usar máscara em público na África do Sul. Quem descumprir a medida pode ser multado e ficar preso por até 6 meses, segundo o site local IOL.

Apesar da confusão, não ficou claro se as mulheres terão que pagar multas ou enfrentar qualquer ação legal por não utilizarem máscaras de maneira adequada.

UOL