quinta-feira, 24 de setembro de 2020

EXTREMOZ: VAGABUNDO É PRESO POR ESTUPRAR CRIANÇA DE 5 ANOS

Vizinho é preso em flagrante suspeito de abusar sexualmente de criança de 5 anos na Grande Natal

Um homem foi preso em flagrante na madrugada desta quarta-feira (23) suspeito de abusar sexualmente de uma criança de 5 anos de idade, que mora na casa vizinha à dele no município de Extremoz, na Região Metropolitana de Natal.

O caso aconteceu no loteamento Parque da Jaqueira. Em depoimento à Polícia Civil, a mãe contou que chamou o filho na vila em que moram e o viu saindo da casa do vizinho com a camiseta levantada e ajeitando o calção no corpo. Ela, então, perguntou ao filho o que havia acontecido e, depois de a criança se furtar da resposta na primeira vez, ela confirmou que havia sido abusada pelo homem.

O suspeito foi detido em flagrante e confessou o crime. Na casa dele, os policiais militares estranharam o fato de haver cadeiras para crianças próximas à televisão, já que nenhuma morava no local.

Foram feitos exames de corpo de delito na criança e no suspeito para comprovação do crime. O homem foi encaminhado para o plantão da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), que vai investigar o caso, e está à disposição da Justiça.

Dados

O estupro de vulnerável consumado aumentou 62% no Rio Grande do Norte no primeiro semestre de 2020 em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados foram publicados no Monitor da Violência, projeto exclusivo do G1, no dia 16 de setembro. Os números mostram que nos primeiros seis meses do ano esse crime aconteceu 118 vezes no estado - no ano anterior foram 73. Proporcionalmente, o estudo aponta que esse é o maior crescimento entre os estados do Brasil.

É considerado estupro de vulnerável consumado qualquer conjunção carnal ou ato libidinoso com menores de 14 anos de idade. A pena para esse crime varia de oito a 15 anos de prisão.

G1

Nenhum comentário: