quinta-feira, 13 de agosto de 2020

FLAMENGO: TORCEDOR ANDA INSATISFEITO COM NOVO TREINADOR

Novo treinador “desmonta” time de Jesus e encara revolta com apenas 10 dias de Flamengo

Em suas primeiras palavras como treinador do Flamengo, Domènec Torrent assegurou que iria fazer uma mudança lenta e gradual no estilo de jogo consagrado por Jorge Jesus. Passados dois jogos, o time parece apenas uma sombra daquele que encantava o Brasil e a América do Sul desde 2019. Com 10 dias de trabalho, o ex-auxiliar de Pep Guardiola já enfrenta a insatisfação e revolta de parte de torcedores.

Contra o Atlético-MG, o Fla ao menos agrediu o rival, criou possibilidades e poderia ter tido melhor sorte com um pouco mais de capricho no último passe e nas finalizações. Apesar da atuação razoável, um estreante Dome revelou certo desconhecimento do grupo ao tentar implementar uma saída de bola um pouco mais cadenciada. Seja ou não por determinação do técnico, o time abandonou aquela caça incessante pela bola, dando ao rival mais campo para trabalhar e evidenciando um desnível físico que foi atribuído também pela falta de ritmo de jogo.

Some-se a isso a desorganização que reinou na tentativa desesperada de ao menos empatar. Com uma pilha de atacantes, o time se lançou ao ataque de forma desordenada e usou e abusou dos cruzamentos que em nada resultaram. No fim, Torrent reconheceu que a equipe jogou de forma muito espaçada e admitiu que alguns treinos seriam vitais para correções.

Habituados aos troféus, os rubro-negros não perdiam duas partidas consecutivas desde setembro de 2018. Na ocasião, Ceará e Internacional venceram os jogos contra o time carioca. Em rodadas iniciais, a escrita era ainda maior, visto que desde 1997 o clube não perdia seus dois primeiros compromissos válidos pelo Brasileirão.

Nenhum comentário: