segunda-feira, 29 de maio de 2017

IBAMA RN: SERVIDORES ACUSAM SUPERINTENDENTE

Rio Grande do Norte: servidores acusam superintendente do Ibama de desmonte



O loteamento político nas superintendências do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), como já foi denunciado em ((o))eco, vem sendo uma prática corriqueira. Em alguns casos, como na Bahia e em São Paulo, após denúncias de servidores, a nomeação de políticos para chefiar a autarquia nos estados foi revertida. Em outros, como é o caso do Rio Grande do Norte, apesar da falta de experiência na área ambiental e em decisões que colocam em xeque os metas do órgão, a indicação se manteve.

No estado potiguar, quem está no comando da superintendência estadual desde 07 de julho de 2016 é Clécio Antônio Ferreira dos Santos, indicação política do deputado federal Rogério Marinho (PSDB-RN), relator da reforma trabalhista do governo Temer. Sua administração vem recebendo uma série de críticas, que vai de interferência em decisões técnicas dos analistas a uso particular do carro do Ibama. Na segunda-feira (22), ((o))eco entrou em contato com a assessoria de imprensa do Ibama em Natal e enviou as perguntas, mas até o fechamento desta reportagem, o superintendente não se manifestou.

Matéria completa no link baixo:

6 comentários:

Anônimo disse...

AQUI EM CEARA-MIRIM UMA NOTICIA SACUDIU O MEIO POLITICO.
O SENHOR JULIO CESAR ADMITIU, EM CONVERSA COM UM FAMOSO COLUNISTA E JORNALISTA LOCAL, QUE NÃO SERÁ MAIS CANDIDATO AO PALACIO ANTUNES EM 2020.
SEGUNDO AS CONVERSAS, O EX CANDIDATO TERIA DITO QUE, SEM A REELEIÇÃO DE ROBINSON EM 2018, O QUE É PROVÁVEL, ELE NÃO TERIA "CONDIÇÕES" POLITICAS PARA MANTER O PROJETO, E OS ULTIMOS DESGASTES (2012 E 2016) AJUDARAM NA SUA DECISÃO.

AGORA RESTA AGUARDAR UMA NOVA LIDERANÇA SURGIR.

CARLOS MAGNO

Anônimo disse...

Ou alguém acha que Rogério Marinho é honesto?

Anônimo disse...

Eita pau

Anônimo disse...

A nova liderança será a esposa de Peixoto, que já está sendo lançada nas ruas.
Sem Julio, e com essa péssima administração, vai surgir um novo messias!

Anônimo disse...

libere meu comentário Joao Andre. Nao ofendi ninguem apenas expos minha opiniao.

Anônimo disse...

Vamos aguardar os acontecimentos dos fatos. Júlio é um dos nomes mais fortes na politica de Ceará Mirim, afinal obteve mais de 17 mil votos na última eleição e tem um eleitorado muito fiel a ele. Vem sempre aumentando as suas votações. Acontece na cidade muitos comentários que não se concretizam. Dia desses quando saiu a absolviçao de Marconi vi o pessol sempre se referindo a uma nova derrota do 55 o que me parece um equivoco. Hoje quem realmente tem interesse e se beneficiafia com a cassaçao de Marcone é Ronaldo Venancio, pois ele assumiria a Prefeitura no seu lugar e nao Julio. Soube até que existe um acordo entre Ronaldo e Peixoto para lançar uma chapa com Ronaldo Prefeito e Peixoto indicando o vice. Júlio sabe que Ronaldo lhe trairia num piscar de olhos caso Marcone fosse cassado. Ronaldo e Peixoto vivem nos bastidores confabulando para tirar Marcone. Sem falar que o PSDB partido de Marcone tende a apoiar a candidatura de Robinson ao Governo o que interessaria de alguma forma ao PSD. Ou seja, na minha opiniao é menos ruim para Julio Marcone continuar Prefeito e ele ser o nome da oposiçao do que levar Ronaldo e Peixoto de volta para o poder. Sem falar no fato de Peixoto ter sido responsável pela vitória de Marcone e consequentemente pela derrota de Júlio, ou seja os eleitores de Marconi e Peixoto são os mesmos. Qualquer voto que Peixoto venha a ter significa que Marconi perdeu votos já que estavam juntos! Isso é obvio. Vamos aguardar o desenrolar das coisas mas será dificil haver uma mudança de cenário na politica local devendo se limitar a disputa entre Marconi e Julio ficando os demais como apoiadores. É minha opiniao!