domingo, 26 de fevereiro de 2017

LAVA JATO: "OS BANDIDOS ESTÃO ACERTANDO AS CONTAS"

Secretário uruguaio que ajudaria a Lava-Jato é achado morto

A Justiça do Uruguai está realizando várias perícias para determinar os motivos da morte do Secretário Nacional de Luta contra a Lavagem de Dinheiro do país, Carlos Díaz, encontrado boiando na piscina de sua casa de Punta del Este na noite do sábado de Carnaval.
O funcionário é autor de um projeto de lei sobre lavagem de dinheiro considerado importantíssimo pelo governo do presidente Tabaré Vázquez em sua cruzada por redobrar o controle de operações suspeitas, e tinha se transformado no principal elo entre Uruguai e Brasil para investigações conjuntas sobre a Lava Jato.

O Globo

Um comentário:

Anônimo disse...


morreu Teori, agora esta outra peça chave, quando o aperto vem para cima do p m d b ou adeptos, fatos estranhos acontecem? é isso mesmo?