quinta-feira, 5 de novembro de 2020

ABSURDO: CRIANÇA COM MÁSCARA ESCRITA 'JESUS ME AMA' É PROIBIDA DE ENTRAR EM ESCOLA

Criança é proibida de entrar em escola por usar máscara escrita “Jesus me ama”

Uma jovem foi proibida de entrar em uma escola no estado do Mississippi, nos Estados Unidos. O motivo foi por ela estar usando uma máscara com o nome “Jesus me ama”. Pelo fato de permitir outras escrituras no equipamento de proteção, os pais da jovem processaram o colégio por discriminação religiosa.

A situação foi divulgada pela Alliance Defending Freedom (Aliança em defesa da liberdade, na tradução literal), organização cristã americana, sem fins lucrativos, que tradicionalmente atua em questões judicias sobre temas como “liberdade religiosa, santidade de vida, casamento e família”A ação, que está em nome de Lydia Booth, narra que o ato de preconceito religioso teria ocorrido em 13 de outubro deste ano.

O processo indica que funcionários da escola disseram a Booth que ela teria de remover a máscara, devido à sua mensagem, por conta de uma política do distrito escolar que proíbe máscaras que incluam mensagens políticas ou religiosas.

O conselheiro jurídico da ADF, Michael Ross, afirmou que as escolas públicas devem “respeitar a liberdade de expressão dos alunos que a Primeira Emenda lhes garante” e afirmou que a regra constitucional estaria sendo desrespeitada pela unidade de ensino.

terrabrasilnoticias

Nenhum comentário: