quarta-feira, 2 de setembro de 2020

STJ DECIDE MANTER WITZEL AFASTADO DO GOVERNO DO RJ

STJ consegue maioria para manter afastamento de Witzel

Nesta quarta-feira (2), o Superior Tribunal de Justiça (STJ) formou maioria necessária para manter o afastamento do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel.

Dez ministros da Corte Especial do STJ votaram a favor da decisão do ministro Benedito Gonçalves, que na última sexta-feira (28) determinou o afastamento de Witzel por 180 dias. A corte é composta por 15 ministros, e a maioria necessária para manutenção da determinação era de dois terços dos magistrados: 10 ministros.

Witzel é suspeito de desvios de dinheiro destinados a saúde em meio a pandemia da Covid-19. Ele nega as acusações.

O relator, ministro Benedito Gonçalves, foi o primeiro a se manifestar nesta quarta, votando em favor da manutenção do afastamento. Acompanharam o voto dele os ministros Francisco Falcão, Nancy Andrighi, Laurita Vaz, Maria Thereza de Assis Moura, Og Fernandes, Luis Felipe Salomão, Mauro Campbell Marques, Raul Araújo e Isabel Galotti.

Nenhum comentário: