terça-feira, 15 de setembro de 2020

'E SE FOSSE A CABEÇA DA MARIELLE OU DO LULA?' - INDAGA BIA KICIS

Deputados denunciam ‘artista’ que fez escultura de Bolsonaro

A deputada federal Bia Kicis usou suas redes sociais para denunciar a obra do artista Marcello Tamaro. Proprietário da empresa Gorila Company, ao lado de Pedro Millas, ele criou uma cabeça degolada do presidente Jair Bolsonaro.

– Que coisa mais asquerosa. É o famoso “ódio do bem” que passa desapercebido pelos defensores da “democracia”. Uma criança segurando a cabeça do presidente Jair Bolsonaro. E se fosse a cabeça da Marielle? Ou do Lula? Ou de algum ministro do STF? Mas os intolerantes somos nós – retrucou a parlamentar.

Uma das imagens que circula na internet mostra uma criança segurando a peça e Marcello disse que pretende jogar um futebol com a cabeça do chefe do Executivo. O pastor e deputado federal Marco Feliciano também denunciou o caso em suas redes sociais e acusou Marcello e Pedro de tentarem contra a vida do chefe do Executivo.

– Absurdo! Isso não é arte, é atentado contra a vida do presidente da República. Depois querem nos acusar de “discurso de ódio”. Vem cá, então isso para as redes sociais é “liberdade de expressão”? Isso pode, né? – questionou Feliciano, que recebeu o apoio de seus seguidores nos comentários da postagem.

O artefato faz parte da mostra Freedom Kick (Chute de Liberdade) promovida pelo grupo Indecline (Em Declínio), que se define como um coletivo de arte ativista e de protesto. Nesta segunda (14), eles exibirão as cabeças de Bolsonaro, do presidente americano Donald Trump e do presidente russo Vladimir Putin.


pleno.news

Nenhum comentário: