sábado, 5 de setembro de 2020

BRASIL DECLARA REPRESENTANTES DE MADURO 'PERSONAS NON GRATA'

Representantes de Maduro são ‘persona non grata’ no Brasil

Nesta sexta-feira (4), o Ministério das Relações Exteriores declarou representantes do líder venezuelano Nicolás Maduro como “persona non grata” no Brasil.

O anúncio indica que o corpo diplomático ligado ao regime chavista não é mais aceito como representação legítima do país no Brasil. A decisão do governo brasileiro vale para representantes diplomáticos, consulares e administrativos de Maduro.

– A declaração de ‘persona non grata’, instrumento jurídico amplamente reconhecido e utilizado nas relações internacionais, é prerrogativa que os Estados possuem para indicar que um representante oficial estrangeiro não é mais bem-vindo como tal em seu território, conferindo ao país que enviou tal representante a prerrogativa de retirá-lo do país receptor, podendo também o funcionário permanecer no país receptor sem status diplomático ou consular nem imunidades e privilégios correspondentes – informou o Itamaraty.

Nenhum comentário: