sábado, 27 de junho de 2020

FALTOU 'ENERGIA NO POSTE'

Propina democrática

Propina democráticaNo ato contra Jair Bolsonaro – que reuniu FHC, Luciano Huck, Geraldo Alckmin, Ciro Gomes, Marina Silva e Guilherme Boulos -, Fernando Haddad defendeu a necessidade de “resgatar os direitos políticos de Lula, que não cometeu crime algum”.

Se a democracia é representada pelo departamento de propinas da Odebrecht, o bolsonarismo nunca mais vai sair do poder.

O Antagonista


Nenhum comentário: