domingo, 10 de novembro de 2019

ABC BUSCA O DIREITO DE PERMANECER NA SÉRIE 'C"

ABC e advogado são absolvidos pelo STJD

Advogado José Wilson e ABC foram absolvidos pelo STJD. Ambos foram denunciados por acusação infundada no caso Celso Teixeira. Foto: Divulgação
José Wilson - Advogado
A polêmica Noticia de Infração que o ABC apresentou ao STJD ( Procuradoria aceitou e denunciou o clube paraibano ) sobre irregularidade de Celso Teixeira, treinador do Treze, teve na manhã desta sexta-feira (08) mais um capítulo.

O ABC e o advogado José Wilson Gomes Neto que passaram de denunciantes a denunciados no STJD, foram absolvidos pela Quarta Comissão Disciplinar.

O advogado foi denunciado por infração ao artigo 221 do CBJD c/c artigo 19.2 do Código Disciplinar da FIFA. O ABC por infração ao artigo 19.2 c/c 6, item 5 do Código Disciplinar da FIFA.

O 19.2 do Código da Fifa trata de “acusação infundada” e o 221 do CBJD, “dar causa, por erro grosseiro ou sentimento pessoal, à instauração de inquérito ou processo na Justiça Desportiva”

Na quarta-feira(06) o Pleno do STJD manteve o entendimento da Terceira Comissão e por 4 a 2 rejeitou o Recurso do ABC no caso de Celso Teixeira.

Na quinta-feira (07) (07) no Tocando a Bola, o presidente do ABC, Fernando Suassuna admitiu ir até as últimas consequências neste caso. Entende o dirigente que o “direito é bom” e que se não houver nenhum risco de punição ao clube, a Justiça Comum pode ser o caminho a ser seguido.

Também no Tocando a Bola e munido de farta documentação, José Wilson reafirmou ter convicção da irregularidade do treinador do Treze e que o ABC foi prejudicado no julgamento do STJD.

oP9

Nenhum comentário: