quinta-feira, 15 de agosto de 2019

RN: JEAN-PAUL PRATES "NÃO ESTOCA VENTO"

O Senador "Barão dos Ventos" Jean-Paul Prates do RN está rindo à toa

Já de algum tempo, O Rio Grande do Norte vem trabalhando a energia eólica como potencial econômico para o Estado. Nessa longa trajetória, buscou se consolidar como um dos Estados com grande potencialidade para desenvolver energias renováveis. Nessa trajetória, eis que surge a figura do "O BARÃO DOS VENTOS DO RN". 

O Senador Jean-Paul Prates do (PT/RN), que fixou moradia no Estado em 2005, visando explorar as riquezas naturais em abundância que temos, logo trouxe para perto de si, duas das suas três empresas.

Sempre aliado político dos Governos do Estado desde 2001, o Senador objetivava o aumento do seu seu capital. Com o passar dos anos, os planos foram dando certo e o poderio econômico do Senador foi se consolidando. Logo iniciou outros planos para juntar o "útil ao agradável", com isso adotou a política como um meio de aumentar sua lucratividade e ter acesso mais fácil a projetos que o governo planejava para o RN.

Nas eleições de 2014, Jean-Paul foi eleito suplente de Fátima Bezerra ao senado. Foi eleito sem receber um único voto. O mega "barão dos ventos do RN" sempre foi um estrategista-nato, onde sempre atuou ao lado da política para alavancar seus negócios. É um "socialista de capital" que tem uma visão ampliada de mercado.

O "Barão dos Ventos do RN" está rindo à toa com os investimentos trazidos para o RN, claro, seus negócios estão indo de "vento em poupa" e sua lucratividade nos negócios estão numa crescente exorbitante. O seu engajamento na batalha para trazer investimentos para o Estado não é em vão. Temos que reconhecer que o seu dedo nos negócios, desenvolveu muito a matriz energética do Estado.

Porém esse lado "socialista ou comunista" por trás da máscara de um estadista não cola com o perfil empreendedor do Jean-Paul Prates. A figura de um homem compromissado com "as causas sociais" e em defesa dos menos favorecidos, é uma medida populista adotada para dar notoriedade a "pessoa" (do Jean-Paul Prates).

Agora com a enxurrada de investimentos que estão vindo para RN, para Jean-Paul e seus investimentos aqui no Estado, os negócios são mais lucrativos do que qualquer investimento feito na bolsa de valores. Assim é feita a vida do "SOCIALISTA DE CAPITAL", que usurpa do Estado para garantir e aumentar suas riquezas.

Em 2022, será que teremos "O BARÃO DOS VENTOS DO RN" na disputa do Governo do Rio Grande do Norte? 

EIS À DÚVIDA QUE SURGE!

Leitura Pòtiguar

Nenhum comentário: