segunda-feira, 12 de agosto de 2019

MPF - MAIS UMA 'PEDRA DE TROPEÇO' NO CAMINHO DE EDUARDO BOLSONARO

MPF quer barrar indicação de Eduardo Bolsonaro

O Ministério Público Federal (MPF) em Brasília entrou com uma ação civil, com pedido de liminar, nesta segunda-feira (12), para impedir a indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para o cargo de embaixador nos Estados Unidos.

A ação quer que o governo brasileiro observe alguns critérios para escolher embaixadores que não possuem carreira diplomática. O órgão defende que os indicados precisam ter experiência na área de pelo menos três anos e relevantes serviços prestados ao país. Para o MPF, a Justiça deveria revogar ou sustar qualquer tipo de trâmite de nomeação neste sentido.

Na sexta-feira (09), o partido Cidadania entrou com um mandado de segurança coletivo preventivo, com pedido de liminar, no Supremo Tribunal Federal, para impedir que o presidente da República, Jair Bolsonaro, indique seu filho ao cargo. Para a legenda, a indicação é configurada como nepotismo.

Ao responder algumas críticas sobre a sua indicação na última sexta-feira (9), o deputado federal disse que será o embaixador mais cobrado do mundo.

– Independente da resposta que vier, sendo positiva ou negativa, eu vou aceitar. Caso positiva irei para os Estados Unidos sabendo da responsabilidade. Sabendo que eu serei, provavelmente, o embaixador mais cobrado do mundo – disse Eduardo Bolsonaro.

Nenhum comentário: