sexta-feira, 5 de julho de 2019

DÉFICIT: O RN TEM O 4º MENOR EFETIVO DE POLICIAL CIVIL DO BRASIL

Diretor da Adepol diz que efetivo da Polícia Civil do RN é o quarto menor do país

A Associação dos Delegados de Polícia Civil (Adepol) vem cobrando do Governo do Estado a realização de um novo concurso público para repor o efetivo, que segundo a instituição, vem reduzindo a cada ano. A Adepol lamentou o cancelamento por parte do Governo do Estado de uma reunião prevista para a próxima quarta-feira (10) para tratar o assunto.

O diretor da Adepol, delegado Carlos Brandão, disse em entrevista nesta quinta-feira (4) para o programa RN Acontece, que o Rio Grande do Norte é - proporcionalmente - o quarto estado com menor número de profissionais da categoria no país. “Por lei nós deveríamos ter cerca de 5.150 cargos e nós temos aproximadamente 1.300. Desses 1.300, vários estão em licença, afastados por motivos de doença e hoje o efetivo líquido de policiais civis no Estado é cerca de 1 mil homens”, explicou.

Brandão criticou a morosidade para o lançamento do processo seletivo e afirmou que historicamente o número de servidores ingressando na corporação não atende a proporção dos policiais que se aposentam. “A gente tem uma taxa altíssima de aposentadorias porque o último concurso teve edital aberto no ano de 2008 e antes do ano de 2008, o último concurso foi no ano de 1995. Então você tem um histórico de concursos que acontecem em mais de 10 anos. Então você tem um efetivo diminuto, um efetivo envelhecido e uma taxa de aposentadoria extremamente elevada”, argumentou.

Nenhum comentário: