segunda-feira, 10 de junho de 2019

BRETAS DEFENDE MORO E DIZ: "CRIMINOSO NÃO TEM ÉTICA"

Bretas sai em defesa de Moro após divulgação de conversas sobre Lava-Jato: 'Criminosos não têm ética'

Evento de 2017 tem participação de Sergio Moro e Marcelo Bretas Foto: Gabriel de Paiva 08/12/2017 / Agência O GloboO juiz federal Marcelo Bretas , responsável por julgar ações da Operação Lava-Jato em primeira instância no Rio, saiu em defesa do ex-colega de magistratura Sergio Moro e apontou no Twitter que não se pode descartar a possibilidade de os diálogos divulgados neste domingo pelo site The Intercept Brasil serem forjados. Mensagens extraídas do aplicativo Telegram e obtidas pela reportagem indicam que o ex-juiz da 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba combinava atuações com o coordenador da força-tarefa da Lava-Jato , Deltan Dallagnol . Os dois negam irregularidades e denunciam invasão ilegal de suas comunicações.

"Não se deve descartar a real possibilidade de serem forjados diálogos, criando fake news. Criminosos não têm ética", escreveu o magistrado da 7ª Vara Federal Criminal do Rio.

Nenhum comentário: