quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

CORONEL AZEVEDO: "BOLSONARO MARCA O FIM DA BANDIDOLATRIA"

Governo Bolsonaro marca fim da bandidolatria no Brasil

Em sessão ordinária na Assembleia Legislativa, o Coronel Azevedo (PSL) fez pronunciamento em que agradeceu pelos votos que teve na última eleição, e elogiou o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Para o deputado, o comando de Bolsonaro marca o fim de uma idolatria de bandidos no país.

“Bolsonaro marca o fim da ‘bandidolatria’ no nosso país”, disse o deputado, que foi recebido pelo presidente da Casa, Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB). “Sua chegada aqui deixa a Casa maior. Vossa Excelência chega aqui ancorado em uma história de decência”, afirmou o presidente da Casa.

O deputado Coronel Azevedo seguiu seu pronunciamento falando de questões referentes à segurança pública. “Somos a Polícia Militar mais idosa do país e temos o maior déficit de policiais também do país”, afirmou, lembrando que o último concurso foi realizado pela ex-governadora Wilma de Faria.

Ele citou ainda o atraso dos salários dos servidores públicos, que atinge, principalmente, os inativos. Coronel Azevedo aproveitou para exibir um áudio de um militar da reserva , onde ele relata o sofrimento pela falta de dinheiro. “A situação é gravíssima”, reforçou o parlamentar, contabilizando os altos índices de homicídios envolvendo policiais nos dois últimos governos, e pedindo para a atual gestão “não impor mais mortes e sacrifícios à Polícia mais idosa do país”.

Agora RN

Nenhum comentário: