sábado, 8 de dezembro de 2018

FAMOSO MÉDIUM BRASILEIRO É ACUSADO DE ABUSO SEXUAL

Em entrevista a Bial, mulheres acusam médium João de Deus de abuso sexual: 'Ele dizia que minha doença ia voltar'

Médium João de Deus acusado de abusos sexuais (Reprodução/ TV Anhanguera)João Teixeira de Faria é um médium brasileiro conhecido no mundo todo como João de Deus. Há mais de 40 anos, ele faz atendimentos espirituais no município de Abadiânia, no interior de Goiás. A cidade, de menos de 19 mil habitantes, recebe até 10 mil pessoas por mês para atendimentos - em sua maioria, estrangeiros. Os relatos sobre suas cirurgias espirituais e curas, incorporando diversas entidades como Dom Inácio, se espalharam pelo mundo.

O Conversa com Bial desta sexta-feira, 7/12, acolheu depoimentos de mulheres que foram em busca de tratamento espiritual, mas se sentiram abusadas sexualmente pelo médium da Casa Dom Inácio de Loyola. O medo de uma possível "retaliação espiritual" contribuiu para que a maioria das mulheres ficasse em silêncio:

"Ele dizia: 'Se você não fizer o que eu estou falando, a sua doença vai voltar'", disse uma das brasileiras, que não quis se identificar.

"Tinha muito medo deles mandarem espíritos ruins, da minha vida se tornar miserável, de não conseguir dormir", afirmou a holandesa Zahira Mous.

No total, o apresentador e a repórter Camila Appel ouviram, individualmente, relatos de 10 pessoas com histórias parecidas. Por questão de tempo, a direção mostrou apenas quatro desses depoimentos. As brasileiras que aparecem no programa não quiseram se identificar por medo e vergonha.

Nenhum comentário: