sábado, 8 de dezembro de 2018

BOLSONARO PERMANECERÁ LONGE DA CÂMARA, E RECEBENDO!

Atestado de saúde manterá Bolsonaro longe da Câmara

Igo Estrela/MetrópolesAinda deputado federal, o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), deve seguir longe da Câmara federal, apesar de seu atestado médico ter perdido a validade. Ele pediu licença de suas atividades legislativas em 8 de setembro, por ainda se recuperar de duas cirurgias às quais foi submetido após ser alvo de um ataque à faca durante ato de campanha eleitoral no interior de Minas Gerais. Um terceiro procedimento está previsto para 19 de janeiro.

Oficialmente, a licença médica inicial de Bolsonaro durou 84 dias e seguiu até 1º de dezembro. No entanto, o presidente eleito poderá apresentar um novo atestado médico “a qualquer tempo”, conforme explica a Câmara dos Deputados. Enquanto estiver sob a proteção de atestados, ele poderá manter o salário de deputado federal – R$ 33.763.

Ainda deputado federal, o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), deve seguir longe da Câmara federal, apesar de seu atestado médico ter perdido a validade. Ele pediu licença de suas atividades legislativas em 8 de setembro, por ainda se recuperar de duas cirurgias às quais foi submetido após ser alvo de um ataque à faca durante ato de campanha eleitoral no interior de Minas Gerais. Um terceiro procedimento está previsto para 19 de janeiro.

Oficialmente, a licença médica inicial de Bolsonaro durou 84 dias e seguiu até 1º de dezembro. No entanto, o presidente eleito poderá apresentar um novo atestado médico “a qualquer tempo”, conforme explica a Câmara dos Deputados. Enquanto estiver sob a proteção de atestados, ele poderá manter o salário de deputado federal – R$ 33.763.

"O deputado Jair Bolsonaro apresentou uma Licença para Tratamento de Saúde de 84 dias, iniciada no dia 8 de setembro e já encerrada. O deputado tem até 30 dias para apresentar justificativa de ausência à sessão, exceto no caso de licença médica, cuja documentação comprobatória poderá ser apresentada a qualquer tempo. As regras sobre o comparecimento de deputados à Câmara estão no Ato da Mesa 66/10"

Esclarecimento da assessoria da Câmara sobre o afastamento do parlamentar

Com informações do Metrópole

Nenhum comentário: