quinta-feira, 8 de novembro de 2018

ODEBRECHT DIZ QUE REFORMA NO SÍTIO ERA PARA "PESSOA FÍSICA DE LULA"

Reforma era para 'pessoa física de Lula', diz Odebrecht

 Marcelo Odebrecht 1/09/ 2015.  REUTERS/Rodolfo Buhrer Em interrogatório nesta quarta-feira, 7, o empresário Marcelo Odebrecht, delator da Operação Lava Jato, afirmou que as reformas do sítio de Atibaia, no interior de São Paulo, estavam ligadas à "pessoa física" do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O petista é réu em ação penal por corrupção e lavagem de dinheiro, por supostamente ter recebido propinas da Odebrecht e da OAS em reformas e melhorias da propriedade rural. Ele será interrogado no dia 14.
O empreiteiro também é réu neste processo.

À juíza federal Gabriela Hardt, sucessora de Sérgio Moro nos processos da Lava Jato, o empreiteiro contou que soube do sítio de Atibaia quando "a obra já estava em andamento", em 2010. Odebrecht citou o ex-executivo do Grupo Alexandrino Alencar e seu pai Emílio Odebrecht.

Nenhum comentário: