sexta-feira, 12 de outubro de 2018

RN: PEDREIRO NÃO PERDOA MÉDICA QUE RASGOU SUA "RECEITA"

Aposentado que teve receita rasgada por médica diz que não vai perdoá-la

O aposentado José Alves Menezes, de 72 anos, se diz traumatizado com a situação que vivenciou na última segunda-feira, 8. O homem teve uma receita rasgada por sua médica durante consulta ao responder que votaria em outro candidato de desagrado dela.

José reside com a esposa, no bairro das Quintas. Ele disse que ainda lamenta muito o ocorrido e que não vai perdoar a médica. “Ouvi comentários que ela tinha se arrependido e queria pedir perdão, até o momento, eu não perdoo, mas quem sabe daqui uma semana isso mude”, declarou.

Na tarde desta quinta-feira, 11, José compareceu à Delegacia Especializada de Proteção do Idoso para prestar esclarecimentos acompanhado de sua advogada. “Nunca pensei que isso fosse acontecer comigo, me senti uma pessoa sem valor. Eu não durmo a noite, vivo nervoso, triste com isso”, lamentou.

Questionado sobre o 2º turno das eleições, o aposentado disse que se mantêm com seu voto e vai às urnas no fim do mês. “Votei no primeiro turno e vou votar no segundo. Meu voto continua sendo em Haddad”, disse.

A advogada do Sindsaúde-RN, Adonyara Azevedo, disse que está tomando as providências dentro da lei. “Vamos entrar com um processo de danos morais, fazer uma denúncia formal na secretaria de saúde e no conselho regional de medicina e, ainda, procurar o ministério público eleitoral”, explicou.

Agora RN

Nenhum comentário: