segunda-feira, 1 de outubro de 2018

FUTEBOL DECADENTE: PUNIÇÃO PARA ARBITRAGEM DESASTRADA

CBF "rebaixa" trios de arbitragem envolvidos em erros da 27ª rodada do Brasileirão para Série B

CBF A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu "rebaixar" os trios de arbitragem envolvidos em três jogos com pênaltis polêmicos na 27ª rodada do Brasileirão. Segundo o Coronel Marinho, chefe de arbitragem da entidade, eles passarão por um período "de reavaliação" na Série B. São eles:

O trio de Palmeiras x Cruzeiro:
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa-PA)
Assistentes: Hélcio Araújo Neves (PA) e Heronildo Freitas da Silva (PA)

O trio de Internacional x Vitória:
Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Ciro Chaban Junqueira (DF)

O trio de Santos x Atlético-PR:
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Jean Márcio dos Santos (RN) e Vinícius Melo de Lima (RN)

Palmeiras x Cruzeiro: árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva marcou pênalti em lance fora da área, a favor do time mineiro — Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Todos esses trios tiveram a arbitragem contestada por conta de pênaltis assinalados – os dois primeiros por lances de mão na bola que ocorreram fora da área (a favor de Cruzeiro e Inter), e o último por assinalar penal num encontrão de Rony, do Atlético-PR, em Dodô, do Santos.

Em entrevista que irá ao ar em instantes no Seleção SporTV, o Coronel Marinho disse:

– Eu não gosto da palavra punição. Eu risco do meu dicionário. Existe um trabalho de melhoria do árbitro. Isso é feito com os árbitros e com os assistentes. Então existem outras competições para que eles possam estar atuando novamente, para que possamos estar reavaliando se é caso de voltar ou não para a Série A, que é a competição mais importante aqui e de uma exposição muito grande.

Cuca, técnico do Santos, reclama com o árbitro Caio Max Augusto Vieira no intervalo do jogo que terminou com pênalti polêmico para o Peixe contra o Atlético-PR — Foto: Ivan Storti/Santos FC
– Você vai numa outra competição analisar e esse é o nosso trabalho com os assistentes e com os árbitros. Vamos passar correções para eles, o Dewson (de Freitas, árbitro de Palmeiras 3 x 1 Cruzeiro), o Caio (Vieira, árbitro de Santos 1 x 0 Atlético-PR) , o Sávio (Pereira Sampaio, árbitro de Inter 2 x 1 Vitória), e para a equipe deles, pois é um trabalho em equipe que falhou. Eles serão reavaliados e, se estiverem bem, voltam, se não, vão continuar lá – completou o Coronel Marinho.

SporTV

Nenhum comentário: