quarta-feira, 16 de maio de 2018

BANGU 8: RATOS RECLAMAM DA PRESENÇA DE RATOS

Presos da Lava Jato no RJ se queixam de ratos em Bangu 8

GIULIANO GOMES/PR PRESSHá uma semana como presídio oficial da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, Bangu 8 tem sido alvo de queixas de réus e advogados. Há relatos sobre presença de insetos e ratos nas celas, além da precária estrutura do local. A informação é do jornal Folha de São Paulo.
O novo local para cumprimento de prisão dos investigados na ofensiva da Polícia Federal foi determinado pelo interventor federal na segurança pública do Rio, general Walter Braga Neto. A mudança é parte da reorganização do sistema carcerário do estado, que remanejou cerca de 5,4 mil presos no total, informa a reportagem.
Conforme a publicação, os advogados do empresário Arthur Pinheiro Machado e do ex-secretário nacional do PT Marcelo Sereno, presos na Operação Rizoma, desdobramento da Lava Jato, chegaram a reclamar formalmente ao juiz Marcelo Bretas, titular da 7ª Vara Criminal Federal – o tribunal da Lava Jato no Rio –, sobre “condições insalubres” do local.
O ex-governador Sérgio Cabral (MDB) está desde abril ali, assim como o ex-secretário de Obras Hudson Braga. “O lugar é um safari de parasitas. A sala de advogados está repleta de casas de marimbondos. O complexo é todo infestado de toda sorte de parasitas”, disse Rodrigo Roca, que defende Cabral, à Folha.

Nenhum comentário: