domingo, 15 de abril de 2018

DILMA PASSEANDO "COM DINHEIRO PÚBLICO"

Dilma passeia na Europa, mas pede garra aos acampados na frente da prisão de Lula, em Curitiba
Apontada como segunda na hierarquia da organização criminosa comandada pelo ex-presidente Lula, a ex-presidente Dilma Rpusseff resolveu fazer um tour com o dinheiro do contribuinte pela Europa e Estados Unidos logo após a prisão de seu padrinho político e chefe.
No ano passado, a Procuradoria-Geral da República denunciou ao Supremo Tribunal Federal por crime de organização criminosa os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff; os ex-ministros Antonio Palocci Filho, Guido Mantega, Edinho Silva e Paulo Bernardo; a senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT; e o ex-tesoureiro do partido João Vaccari Neto.
A denúncia, no âmbito da Operação Lava Jato, foi oferecida dentro de inquérito que aponta que o PT formou uma organização criminosa para desviar dinheiro da Petrobras. Até o momento, apenas o ex-presidente Lula, Antonio Palocci e João Vaccari estão presos.
A senadora Gleisi Hoffmann faz campanha eleitoral antecipada enquanto comanda o acampamento de militantes do PT e MST montado no entorno da sede da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde Lula está preso. Os outros denunciados procuram se manter longe dos holofotes e Dilma passeia na Europa, com seu pupilo Guilherme Boulos, do PSOL A petista, que torrou R$ 520 mil do contribuinte apenas no primeiro trimestre do ano passado com viagens internacionais, pede, da Europa, que os apoiadores de Lula sigam para o acampamento da vergonha em Curitiba. Dilma viaja com assessores e seguranças. Todas as despesas com passagens aéreas, hospedagem, alimentação e percursos terrestres dela e de sua equipe são pagos com o dinheiro do povo. 

Imprensa Viva

Nenhum comentário: