quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

STJ ADIA JULGAMENTO DE HABEAS CORPUS DE HENRIQUE

STJ adia julgamento de habeas corpus em favor de Henrique Eduardo Alves

Após obter na Justiça Federal do Rio Grande do Norte decisão que o beneficiou com a prisão domiciliar, o ex-ministro Henrique Eduardo Alves estava na expectativa do julgamento de habeas corpus contra outro mandado de prisão.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) havia marcado para esta quinta-feira (8) a análise de um recurso do emedebista contra ordem de prisão decretada pela Justiça Federal de Brasília, mandado que o mantém atrás das grades. O julgamento, porém, foi adiado para o dia 20.
Nessa terça-feira, o juiz Eduardo Guimarães Farias, da 14ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, transformou em prisão domiciliar uma das prisões preventivas que pesavam contra o ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB).
O benefício, que atende a uma solicitação da defesa, foi concedido pelo magistrado dentro do âmbito da operação Manus, que apura crimes de corrupção e lavagem de dinheiro supostamente cometidos durante a construção da Arena das Dunas, em Natal.

Nenhum comentário: