quinta-feira, 30 de novembro de 2017

QUADRILHA FORMADA POR DENTISTA E EX JOGADORES

PF mira quadrilha de roubos a bancos formada por dentista e ex-jogadores

A Polícia Federal de Maringá, no Paraná, deflagrou nesta quinta-feira, 30, a operação Miguelito para desarticular uma organização criminosa que explodiu cerca de 20 agências bancárias em São Paulo e no norte do Paraná. A investigação durou cerca de 18 meses e mapeou dois grupos responsáveis por ataques a bancos nas cidades de Marialva, Mandaguaçu, Terra Rica (duas vezes), Porecatu, Itambé e Barbosa Ferraz, no Paraná e Iepê, Pedrinhas Paulista e Cruzália, em São Paulo.
“Esse pessoal era ligado a roubos, latrocínios e acabaram se armando e partiram para explosão a banco. Alguns com extensa ficha corrida, mas tínhamos dentistas e dois ex-jogadores profissionais de futebol”, disse ao Estado o delegado federal Alexander Noronha Dias.

Nenhum comentário: