sexta-feira, 10 de novembro de 2017

O ABC NÃO TEM MAIS JUDAS

Com clube em crise, Judas Tadeu pede renúncia e deixa presidência do ABC

Nesta sexta-feira, 10, o presidente do ABC Futebol Clube, Judas Tadeu Gurgel, pediu renúncia do cargo, ato este que foi entregue ao presidente do Conselho Deliberativo, Cláudio Roberto Alves Emerenciano, e foi nesta manhã formalmente oficializado. Em pronunciamento, o agora ex-presidente assim se manifestou:
"Renuncio hoje ao cargo de presidente do ABC Futebol Clube. Foi e está sendo muito difícil e doloroso para mim, mas tive esse gesto de desprendimento para que ocorra a união de todos os abecedistas, num ambiente de pacificação que espero que se inicie daqui por diante.
Conversei por alguns dias com grandes abecedistas, e tomei a decisão após a reflexão de que o ABC precisa de um novo ciclo político, onde prevaleça a somação de esforços e união de todos. Não devem existir divisões no ABC. Tenho a firme esperança de que com a minha atitude, o clube comece uma nova vida sem brigas internas.
Sempre estarei à disposição do Mais Querido para o que for preciso. O ABC, permanentemente, em qualquer situação, pode contar comigo. Deixo aqui esta palavra não de adeus, mas de unificação do clube, com a humildade suficiente para pedir que todos compreendam o meu gesto e se unam em torno da nossa única causa, que é o bem do ABC, e as vitórias e conquistas que haveremos de obter juntos.
Meu muito obrigado a todos que fazem o ABC, e à sua imensa torcida.
Com o ABC unido, melhores dias virão".
Com a renúncia do presidente Judas Tadeu, o presidente do Conselho Deliberativo, Cláudio Roberto Alves Emerenciano, fará a devida comunicação ao vice-presidente do clube, Rodrigo Salustino Cyro Costa, que encontra-se licenciado, para os fins necessários.

Nenhum comentário: