quarta-feira, 27 de setembro de 2017

SINDICATOS APOIAM GUARARAPES

Centrais sindicais fazem protesto em apoio a ação do MPT contra Guararapes

Fachada do MPT-RNCerca de 100 pessoas participaram da manifestação liderada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) na tarde desta quarta-feira, 27, em frente a sede da Procuradoria-Geral do Ministério Público do Trabalho (MPT) no bairro de Lagoa Nova, zona Sul de Natal. O ato foi organizado para enviar apoio ao MPT, que recentemente ingressou com ação contra a empresa Guararapes Confecções S/A pedindo indenização de R$ 38 milhões por causa de direitos trabalhistas que teriam sido negados a trabalhadores da gigante têxtil.
Diversos sindicatos participaram da manifestação, que visou, principalmente, apoiar a procuradora Ileane Mousinho, uma das autoras da ação. Além disso, através dos discursos, os sindicalistas criticaram as investidas que estão sendo feitas por líderes do grupo Guararapes, entre eles o empresário Flávio Rocha, na intenção de combater a ação protocolada pelo Ministério Público do Trabalho.
“Flávio engana quando fala que criou 2.300 empregos nas facções, pois no mesmo período foram excluídas 2.500 vagas na própria Guararapes” disse Juvêncio Godeiro, do Sindicato dos Bancários do Estado do Rio Grande do Norte. “Desde 2010 que o MPT fiscaliza a Guararapes, mas eles (empresários) aproveitaram o momento da reforma trabalhista para fazer essa ofensiva”, continuou Godeiro, impulsionado por gritos de colegas.
Apesar da manifestação realizada nesta quarta-feira, representantes das facções têxteis do Rio Grande do Norte expressaram repúdio ao movimento nos últimos dias, dizendo que o mesmo “não lhes representa”. Conforme vem sendo noticiado, as facções tem manifestado apoio à própria Guararapes, e não a ação do MPT.

Agora RN

Nenhum comentário: