segunda-feira, 3 de julho de 2017

PROMOTOR "BAGUNÇA" NO MT

Promotor ‘quebra’ afiliada do SBT em MT e é preso de cueca e toga

O Ministério Público do Estado se posicionou neste domingo (2) sobre a postura do promotor de Justiça, Fábio Camilo da Silva, que neste sábado (1), foi algemado após desacatar dois policiais militares que o abordaram na BR-163, próximo ao município de Peixoto de Azevedo.
Segundo a nota, o Ministério Público do Estado de Mato Grosso lamenta profundamente a situação ocorrida em Guarantã do Norte e assegura que todas as providências estão sendo tomadas para apuração da conduta do promotor de Justiça substituto e adoção das medidas disciplinares cabíveis.
Silva, lotado no município de Guarantã do Norte, região nordeste de Mato Grosso, estava, supostamente, embriagado.
Ele só não foi preso pela PM porque é promotor o que lhe concede prerrogativa de foro.
Com isso, só poderia ser detido em casos de flagrante por crimes de tortura, hediondo, de racismo, entre outros que são inafiançáveis.
Ainda na rodovia, o promotor chegou a ficar somente de cueca e foi alertado por um dos policiais a colocar o short.
Antes disso, ele pegou um líquido que estava em uma garrafa e tomou banho.

Fonte: MatoGrossoMais

Nenhum comentário: