sábado, 22 de julho de 2017

FUTEBOL: ABC ESTREIA NOVO TÉCNICO

Com novo técnico, ABC busca reabilitação contra Criciúma neste sábado

A diretoria do ABC bem que tentou evitar, mas se viu obrigada a mudar a comissão técnica depois da sétima derrota seguida. Contratado para o lugar de Geninho como “salvador da pátria”, Márcio Fernandes faz sua estreia no comando do Mais Querido neste sábado, 22, contra o Criciúma, às 16h30, no Heriberto Hülse, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.
Na última quarta-feira, um dia depois da sétima derrota seguida – 1 a 0 para o América-MG, em Natal -, a diretoria alvinegra entrou em um acordo com Geninho e mudou a comissão técnica. Márcio Fernandes, que comandou o XV de Piracicaba na Série B, assumiu o comando do time potiguar.
A sequência negativa deixou a situação do Mais Querido bastante complicada na tabela de classificação. O ABC é o penúltimo colocado, com apenas 12 pontos em 15 jogos. Enquanto isso, o Criciúma busca a reabilitação depois da derrota para o Boa Esporte, por 2 a 0. O Tigre tem 20 pontos e tenta se distanciar da zona de rebaixamento para entrar na briga pelo G4.
Sem muito tempo para conhecer o elenco, já que assumiu o cargo na última quinta-feira, o novo comandante não deve realizar muitas mudanças entre os 11 titulares.
O Mais Querido não poderá contar com o zagueiro Oswaldo, que sofreu uma fratura na fíbula da perna direita no jogo contra o América/MG, além do lateral Eltinho e dos atacantes Nando e Adriano Pardal, os três com lesões musculares na coxa. Os quatro jogadores estão entregues ao Departamento Médico, em tratamento intensivo.

FICHA TÉCNICA

ABC x CRICIÚMA
16ª rodada da Série B
Data: 22/07, às 16h30
Arbitragem: Savio Pereira Sampaio (DF), Ciro Chaban Junqueira (DF) e José Araújo Sabino (DF)

ESCALAÇÃO PROVÁVEL

Criciúma-SC
Luiz;
Diogo Mateus, Nino, Diego GIaretta e Márcio Goiano;
Barreto, Jocinei e Douglas Moreira;
Silvinho, Lucão e Alisson Farias.
Técnico: Luis Carlos Winck.

ABC-RN
Edson;
Bocão, Cleiton, Filipe e Marquinhos;
Anderson Pedra, Márcio Passos, Erivélton e Gegê;
Dalberto (Caio Mancha) e Lucas Coelho.
Técnico: Márcio Fernandes.

Nenhum comentário: