sexta-feira, 16 de junho de 2017

INSEGURANÇA: NATALENSES PROTESTAM EM PONTA NEGRA

Cruzes são espalhadas em memória de homicídios registrados no RN

A praia de Ponta Negra, na Zona Sul da capital potiguar, amanheceu diferente nesta quinta-feira, 15. Logo abaixo de um dos principais cartões-postais da cidade, o Morro do Careca, um ‘cemitério’ jazia a beira-mar.
Cerca de 1.000 cruzes de madeira foram fincadas na areia, simbolizando os mais de 1.000 homicídios registrados no estado do Rio Grandedo Norte apenas no primeiro semestre deste ano.
A ação foi montada por Organizações Não Governamentais e tem como objetivo causar impacto na população e nas autoridades. É um pedido de providências, clamando por segurança.
Segundo dados do Observatório da Violência (OBVIO), em comparação ao mesmo período do ano anterior, houve um crescimento de cerca de 26% na taxa de homicídios. Do dia 1º de janeiro até esta quarta-feira, 14, cerca de 1.114 assassinatos foram registrados.

Nenhum comentário: