sexta-feira, 9 de junho de 2017

ESPAÇO DO LEITOR



Infelizmente, no Brasil, conseguiram transformar os bons valores em refugo. Anos e anos de doutrinação marxista nas escolas, universidades, meios artísticos, culturais e na grande mídia fizeram com que a nossa cultura se resumisse à peça teatral "macaquinhos", onde seus atores exploram os ânus uns dos outros. Na nossa educação as prioridades são: liberação da venda e consumo de drogas, igualdade de gênero (onde mulher pode ser homem e homem mulher, de acordo com a conveniência), homens vestirem roupas de mulher e mulheres de homem. Na segurança, só quem tem direitos é o bandido, ele é intocável; pode andar armado, assaltar, matar e, se for preso, tem uma infinidade de órgãos de direitos humanos que lhe darão apoio, enquanto o cidadão que é vítima tem que se conformar com o fato de que o bandido é só uma vítima da sociedade malvada. Sem falar no espetáculo vergonhoso protagonizado pelo TSE onde absolvirão a chapa vencedora para a presidência, em 2014, mesmo havendo inúmeras provas de crime. Enquanto isso não mudar radicalmente, não há qualquer perspectiva de melhora para o Brasil. 
 
Leitor Anônimo


A semana do meio ambiente em Ceará-Mirim está chegando ao seu final. Será que vão tomar as providências necessárias que nosso município precisa? Rio, desmatamentos, lixão, queima de cana....... e por aí vai!

Fernando Moura

Um comentário:

Anônimo disse...

Amigo fique tranquilo que as providências a serem tomadas para coibir os crimes contra o meio ambiente são muito ridícula e que não existem, mas um dia a natureza vai reagir perante esta situação e vai morre muita gente, com a seca, enchente, fome, câncer de pele e outras mazelas que podem chegar para nosso povo. Maior porte de nosso povo não tem conciência nem a cultura dar preservação do nosso meio ambiente mais a lei esta aí em vigor para ser cumprida por todos brasileiros. É meu ponto de vista mas respeito o ponto de vista de todos vamos fazer algo em quanto é tempo.