terça-feira, 24 de janeiro de 2017

GARIBALDI RESPONDE CRÍTICAS SOBRE ALCAÇUZ

Garibaldi diz que “ninguém criticou” construção de Alcaçuz na época e que “não acompanhou muito a obra”

Resultado de imagem para inauguração de alcaçuz
Foto do arquivo da Tribuna do Norte – Carlos Eduardo e Garibaldi fazem o descerramento da placa na inauguração

O senador Garibaldi Alves Filho (PMDB), governador do Rio Grande do Norte entre 1995 e 2002, afirmou a FOLHA DE SÃO PAULO que na época em que o presídio de Alcaçuz foi construído, em 1998, não houve reclamações sobre a estrutura da penitenciária ou defeitos na obra.
“Não me lembro de ter recebido qualquer crítica sobre a obra, seja da imprensa, seja de técnicos, ou da população. Não houve polêmica, qualquer advertência, qualquer restrição à construção”, afirmou ele, por telefone, em entrevista à Folha.
Quase 20 anos depois da inauguração do presídio, Garibaldi Alves afirmou não se lembrar o motivo da escolha das dunas de Nízia Floresta, na região metropolitana de Natal, para a construção da penitenciária.
“Foi uma obra que não visitei tanto. Ela estava a cargo da secretaria de Obras e da de Justiça. Depois que saí [do cargo de governador] foram feitas reformas, e não acompanhei”, disse. “A obra resistiu por 20 anos. Agora é que não está resistindo mais”, finalizou o senador.

OBS: Só faltou Garibaldi dizer que o Secretário de Obras e da Justiça na época era seu primo Carlos Eduardo Alves, atual prefeito de Natal.

Um comentário:

Anônimo disse...

Esse senador é um malandro. Se faz de Santo, mas é um "pelé "na arte de enrolar.